Tom Holland e Jon Favreau em “Homem-Aranha: Longe de Casa” (Sony/Marvel)

O ator e diretor Jon Favreau é uma figura querida dos fãs da Marvel. De certa forma, Jon deu início ao MCU dirigindo o primeiro “Homem de Ferro”, e desde então tem sido presença constante como o personagem Happy. Em entrevista à Variety, Favreau comentou sobre a sua relação com o Homem-Aranha.

No começo, eu achava ele [Peter Parker] meio chato e fiquei fazendo as vezes de babá responsável por cuidar dele no plano de fundo de ‘Guerra Civil’, mas agora depois de ‘Guerra Infinita’ e ‘Ultimato’, todos os personagens passaram por muitas coisas emocionalmente falando“, explicou ele. “Eu gosto bastante de ver para onde o nosso relacionamento evoluiu, e, é claro, trabalhar com um ator como Tom Holland em cenas que são ao mesmo tempo engraçadas e emocionantes é ótimo porque eu não tenho muitas oportunidades de atuar dessa forma“. A proximidade entre os dois pode significar também algo mais, uma vez que aparentemente Happy está começando a se sentir atraído pela Tia May, interpretada por Marisa Tomei.

Confusão

Recentemente, Gwyneth Paltrow protagonizou um momento pra lá de engraçado durante o programa culinário “The Chef Show” da Netflix, apresentado por Favreau, quando esqueceu completamente que havia feito uma participação em “Homem-Aranha: De Volta ao Lar”, confundindo o filme com um dos “Vingadores”. A cena viralizou nas redes sociais, e logo depois, durante o tapete vermelho de “Homem-Aranha: Longe de Casa”, Jon defendeu a amiga, confirmado que o MCU pode se tornar bastante confuso com tantos filmes e linhas do tempo diferentes, e que muitas vezes nem ele mesmo sabia bem o que estava acontecendo durante a produção de “Ultimato”, sentimento sem dúvida compartilhado por todo o restante do elenco.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui