Hulu toma decisão sobre High Fidelity, série de Zoë Kravitz

Robyn (Zoë Kravitz) e Simon (David H. Holmes), em High Fidelity
Robyn (Zoë Kravitz) e Simon (David H. Holmes), em High Fidelity (Photo by: Phillip Caruso/Hulu)

A série High Fidelity, estrelada por Zoe Kravitz foi cancelada pela Hulu após apenas uma temporada. Originalmente encomendada em 2018 para ser desenvolvida pelo Disney+, ela acabou mudando para o Hulu por causa de seus temas, adultos que segundo a Casa do Mickey Mouse são mais condizentes com o outro streaming.

O programa era uma espécie de remake moderno do filme de 2000 estrelado por John Cusack, com Kravitz desempenhando o papel que havia sido dele. Ela vivia Rob, uma dona de loja de discos, obcecada pela cultura pop. Jake Lacy, Da’Vine Joy Randolph e David H. Holmes completaram o elenco da temporada, que foi amplamente elogiada pela crítica.

De acordo com o site The Hollywood Reporter, o elenco e a equipe da High Fidelity foram informados do cancelamento do programa na quarta-feira, 05 de agosto. As showrunners Veronica West e Sarah Kucserka tinham um plano para a segunda temporada, que expandiria o universo da série. Novos interesses amorosos para Rob, de Kravitz, teriam sido introduzidos e outros personagens como Cherise e Simon teriam conseguido maior destaque.

A série de TV foi criada por Veronica West e Sarah Kucserka, que produziram com Kravitz e Josh Appelbaum, Andre Nemec, Jeff Pinkner e Scott Rosenberg. Em junho, Kravitz disse à revista Variety que adoraria fazer uma segunda temporada, dizendo que a série tinha mais para explorar com seus personagens e enredos, mas ela não tinha ouvido falar sobre qualquer decisão de renovar o programa. “Acho que o show tem muito potencial. Eu acho que há muito mais crescimento a fazer para todos e muito mais problemas para entrar. Há um monte de lugares que poderíamos ir e eu adoraria explorar”. Não houve uma explicação oficial do motivo do cancelamento mesmo com tantas críticas positivas, mas é possível que o programa ainda encontre um outro lar.