Irmã de Naya Rivera rebate comentários sobre ir morar com ex-cunhado

Nickayla Rivera
Nickayla Rivera (Reprodução/ Instagram)

O buzz foi enorme quando um tabloide anunciou que Nickayla, irmã da falecida atriz de Glee, Naya Rivera, tinha alugado um apartamento para morar com seu ex-cunhado Ryan Dorsey, para ajudá-lo, a cuidar do sobrinho, Josey, de cinco anos. Nas redes sociais, os comentários foram para lá de ofensivos, com muita gente acusando Nickayla de traição, e de se envolver com o ator que já estava separado de Rivera, meses antes de sua morte.

A modelo de 25 anos, publicou em seus stories no Instagram uma declaração sobre tudo isso deixando claro que sua prioridade é a criança, que a tem como o mais próximo de uma mãe. Ela e o ator já tinham sido flagrados juntos por paparazzi outras vezes, endossando o discurso de que já estavam juntos há muito tempo. “Na época mais sombria da minha vida, a única coisa que importa são meus amigos e minha família. Aparecendo para meu sobrinho, embora eu não possa aparecer para mim mesma”, escreveu ela.

“Não estou preocupada com a aparência das coisas porque ninguém pode ver cada momento agonizante que todos suportamos”, continuou ela sobre o drama enfrentado por sua família, menos de três meses depois que sua irmã, de 34 anos foi encontrada morta no Lago Piru, na California. “Eu aprendi que o que mais importa é mostrar compaixão, não julgar os outros e nunca dar um momento como garantido. Espero que todos vocês possam fazer o mesmo”, escreveu ela que disse que chegou a receber ameaças de morte.

Nickayla já havia usado as redes sociais para homenagear a irmã em uma postagem: “Irmã, não há palavras para descrever meu amor por você. Lado a lado ou a quilômetros de distância, nossa conexão é infinita. Nosso vínculo é inquebrável. Éramos opostos completos, mas ao mesmo tempo iguais. O yin para o meu yang. Nunca soube que, ao perder você, encontraria tanto de você em mim. Nunca conheci uma vida sem você e ainda não consigo imaginá-la. Meu mundo está de cabeça para baixo. Mas apesar de tudo, de tudo o que fomos, ainda somos. Sempre olharei para você com os mesmos olhos de quando era jovem. Meu shmaya, vou te amar para a eternidade e sentir sua falta a cada segundo da minha vida”.