J. J. Abrams considerou um reboot da série “Alias”, estrelada por Jennifer Garner

Alias (Imagem: Divulgação)

Alias, popular série de espionagem e ficção cientifica estrelada por Jennifer Garner, poderia ganhar um reboot. Pelo menos é o que considerou o criador da trama, J. J. Abrams (‘Lost’, ‘Star Wars’). A editora Maryann Brandon compartilhou a informação durante entrevista concedida ao Awards Daily, em que falava sobre “Star Wars: A Ascensão Skywalker”, filme que ela também trabalha na edição.

“Nós conversamos sobre o assunto. Vez ou outra eu pergunto para ele e ele sempre diz: ‘Sim, talvez’. Mas não tenho nenhuma informação mais concreta, fora essa. E sabe, eu amo Jennifer Garner. Ela é realmente muito boa naquilo que faz e eu ficaria muito feliz se eles fizessem um reboot da série”, contou.

Em 2018, durante entrevista concedida ao The Hollywood Reporter, a atriz Jennifer Garner chegou a comentar sobre a possibilidade da série de ficção cientifica e espionagem ganhar um reboot. “Ouvi falar que há um reboot de ‘Alias’ acontecendo, mas ninguém me falou nada sobre isso. Quero dizer, seria uma coisa totalmente diferente. Mas se eles não me chamarem para uma participação, ficaria muito, muito brava. Mas não imagino que seja uma coisa séria, porque não ouvi nada de ninguém ainda”, disse a atriz.

“Alias” ficou no ar originalmente entre 30 de setembro de 2001 e 22 de maio de 2006. Foram cinco temporadas e um total de 105 episódios exibidos na ABC nos Estados Unidos.

A trama acompanhava Sydney Bristow, uma jovem recrutada pela CIA, que passou a trabalhar como agente dupla para tentar acabar com organização internacional corrupta. Além de Garner no papel de Sydney, a história também contou com Victor Garber, Ron Rifkin, Rachel Nichols, Carl Lumbly, Balthazar Getty, Kevin Weisman, Élodie Bouchez, Michael Vartan, Bradley Cooper, Merrin Dungey e Ken Olin.

A série foi bem recebida pela crítica. No Rotten Tomatoes, por exemplo, ela possui uma aprovação de 89%. A temporada de estreia conseguiu 88%, em 25 avaliações. O consenso diz: “Com sequências de ação deslumbrantes, boa escrita e personagens críveis, Alias os define e os derruba como uma sólida televisão escapista, mesmo que a narrativa se torne confusa às vezes.”

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.

bostancı escort