Filme Coringa
Foto promocional de Joaquin Phoenix e o diretor Todd Phillips nos bastidores de Coringa (Divulgação/Warner Bros. Pictures)
ANÚNCIO

Sucesso com o filme Coringa, o ator Joaquin Phoenix conversou com Anderson Cooper, do 60 Minutes, e revelou seu maior problema com o filme. A grande dificuldade do ator, ensaiar com outros atores, acabou não sendo exclusividade de Coringa, mas, de modo geral, sendo para qualquer filme. Como revelou Cooper, o ator conversou com o diretor Todd Phillips por meses sobre o roteiro, mas os ensaios com outros atores é o que ele mais detesta em produções.

Segundo o ator, os ensaios acabando soando de uma maneira falsa. “Para mim é impossível. Eu não sei. Só me parece muito falso. A grande coisa de gravar um filme é gravar múltiplas cenas e usar a edição para capturar os melhores momentos. Então eu prefiro descobrir os melhores momentos enquanto trabalho do que descobrir em testes onde me sinto tipo: ‘Oh, isso foi muito bom, como vamos fazer para recriar isso?'”, disse.

Segundo o ator, esses momentos de descoberta nunca estão presentes em nenhum roteiro e são sempre inesperados. Além disso, Joaquin Phoenix revelou que ainda acaba ficando nervoso nos sets de filmagem. “Com certeza [fico nervoso]. Fico petrificado. Tem muitas coisas que eu gostaria de expressar quando estou fazendo um papel. Eu vou para o roteiro e estou cheio de ideias. E então eu acho que fico nervoso apenas por achar que não vou conseguir encontrar o jeito certo para me expressar”, disse Phoenix.

Vale lembrar que, com todo o árduo trabalho, Coringa se saiu vitorioso em premiações e arrancou inúmeras indicações, sobretudo no Oscar, faturando 11 nomeações. Joaquin Phoenix concorre ao Oscar de Melhor Ator por sua atuação. E tudo isso sem falar na grande bilheteria do filme, que contou, no elenco, com nomes como Robert De Niro, Frances Conroy, Brett Cullen e Zazie Beetz.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui