Johnny Depp abre guerra contra tabloide e faz acusação GRAVE

Johnny Depp
Johnny Depp (Reprodução)

Johnny Depp não para de se envolver em confusões. Além de uma longa batalha judicial que trava contra a ex-esposa e também atriz, Amber Heard, o astro de Piratas do Caribe agora resolveu voltar sua fúria contra um grupo de comunicação dono de um jornal, que ele acusa de ter hackeado seu celular e divulgado informações confidenciais sobre sua vida.

Segundo o site The Blast, Depp entrou com um processo contra o News Group Newspapers, acusando-o de ter hackeado seu celular, e tido acesso ilegal a diversas mensagens de texto, e de áudio enviadas por ele, destruindo assim seu direito à privacidade como ser humano. Os advogados do ator, teriam enviado uma notificação extrajudicial para o grupo.

Curiosamente, o astro relata no processo que essa não é uma coisa atual, e que segundo parece, está acontecendo desde 1996, tendo cessado por volta de 2010. Mas de lá para cá, ele acredita inclusive que várias informações pessoais, e até médicas sobre seus filhos tenham se tornado capa do famoso tabloide britânico The Sun por este motivo.

Na notificação extrajudicial, que o The Blast teve acesso, os advogados de Depp exemplificam um dos ataques ao telefone do ator, quando sua ex-esposa, Vanessa Paradis, estava grávida da primeira filha do casal. Era uma informação que eles não haviam revelado para ninguém, e que foi parar na capa do tabloide no ano de 1998.

“São informações sensíveis, tratando de diversos estágios da gravidez e dos planos pessoais do casal, o que mostra uma vigilância explícita em cima dele”, diz o documento, que tem como intenção fazer com que o grupo empresarial aceite fazer um acordo, ao invés de prosseguir com a questão no tribunal. Não é a primeira vez que o The Sun é acusado de hackear celulares de celebridades. O mesmo aconteceu com David Sherbone, Elton John, Jude Law, e Hugh Grant, que ganharam ações semelhantes na justiça com o apoio do mesmo advogado de Depp.