Joseph Morgan explica motivo pelo qual nunca mais irá reviver personagem de The Vampire Diaries

Klaus (Joseph Morgan) em The Originals (Divulgação)

A série Legacies, da The CW, parece ter sido criada com um único intuito, não deixar o repertório construído por The Vampire Diaries e The Originals morrer, mesmo que vampiros não estejam mais na moda como estavam há dez anos. Com isso, muitos personagens das já citadas séries passaram pelo novo programa que já conta com duas temporadas no currículo, mas Klaus, interpretado por Joseph Morgan não será um deles.

Embora Klaus tenha sido morto no final da série de The Originals, ele nunca esteve longe de Legacies. Sua morte pesou muito em sua filha ao longo da série, e ele foi mencionado com bastante frequência por Hope e seus amigos. Morgan lançou um novo programa na plataforma Peacock, e ao falar sobre a nova empreitada deu um gostinho sobre seu personagem mais famoso ao site TV Guide.

“Não, nunca, nunca. Você nunca mais vai ver isso”, disse ele sobre voltar à fictícia cidade de Mystic Falls. “Você pode prender a respiração o tempo que quiser. Você sabe por quê? Eu tenho a caixa The Originals na minha prateleira, e é uma coisa linda porque são cinco boxes de DVD com a história completa do começo ao fim desse cara, Klaus Michaelson – bem, ele começou na segunda temporada de The Vampire Diaries, e por lá apareceu às vezes novamente em flashback, mas para mim, essa jornada e essa história já acabaram. Essa é a história completa, e simplesmente não me sinto bem em fazer isso de novo”, disparou ele.

Mas ele não é o primeiro a afirmar que não voltaria nem em participação especial. Outros atores como Paul Wesley e Ian Somerhalder, que interpretaram Stefan e Damon Salvatore em The Vampire Diaries, deram respostas semelhantes no passado.

“Acho que Julie Plec [showrunner das atrações] sente a mesma coisa. Parece que seria estranho, um pouco forçado”, continuou Morgan. “Como se eu estivesse voltando, apenas para podermos ver outra coisa dele, mas quando a vemos, dizemos: ‘Ugh, foi isso?’ E eu não quero que o  legado de Klaus seja ‘Ugh’”, completou o ator.