Julianne Moore, estrela de Jurassic Park explica por que não voltou para Jurassic World: Dominion

Sarah Harding (Julianne Moore) em O Mundo Perdido - Jurassic Park
Sarah Harding (Julianne Moore) em O Mundo Perdido – Jurassic Park (Divulgação)

A franquia Jurassic World só cresceu desde que foi lançada em 2015. Com dois filmes de sucesso nos cinemas, e mais um que está atualmente sendo rodado atualmente no Reino Unido, ela dá sinais que pode se sair tão bem quando a franquia Jurassic Park, inclusive no novo filme intitulado Jurassic World: Dominion, muitas estrelas do original de 1993 estão voltando para fazerem participações especiais, o que fez com que especulações surgissem na internet de estar ser a possível finalização de toda a história.

Laura Dern voltará a viver Ellie Sattler, enquanto Sam Neil dará vida mais uma vez a Alan Grant, inclusive chegou a postar nas redes sociais uma foto do famoso chapéu usado pelo personagem. Jeff Goldblum, que aparentemente nunca deixou de verdade os filmes dos dinossauros voltará a interpretar Ian Malcolm. Porém, as participações se limitaram a personagens que compuseram a primeira parcela da história, e deixou de fora outros importantes atores como é o caso de Julianne Moore.

A atriz participou de O Mundo Perdido – Jurassic Park na pele da Dra. Sarah Harding. Em uma entrevista para o site americano Collider, a atriz falou que gostaria de voltar a interpretar a personagem, porém nunca foi convidada. “Sim, Sarah Harding. Talvez ela ainda não tenha terminado [sua história]. Eu não sei. Mas ninguém se aproximou de mim. Isso está ok! Mas se eles fizessem? Sim claro! É claro é claro!”

No longa ela é uma paleontóloga, namorada de  Ian Malcolm, que é contratada por um redimido John Hammond (antigo dono e idealizador do parque dos dinossauros, que ao perceber os riscos que expôs seus netos, alterou sua visão de mundo e deixou de ser capitalista se transformando numa pessoa com valores mais ecológicos), para registrar na ilha Sorna as espécies de dinossauros que são criadas lá, e assim evitar que seu sobrinho, novo dono do Jurassic Park em San Diego, capture os bichos e os leve para uma exposição.