The Jungle Cruise (Imagem: Divulgação)

Conforme informações do site TMZ, o filme de aventura Jungle Cruise, produção da Disney baseada em um parque temático da empresa, que leva o mesmo nome, deverá trazer o primeiro personagem abertamente gay em toda a história do estúdio.

O personagem que é interpretado pelo ator Jack Whitehallé descrito como sendo “extremamente eficiente, muito chique e muito engraçado”, as afirmações vêm gerando inúmeras críticas, pois muitos acham que a caracterização seria bastante estereotipada.

Outra grande dúvida da comunidade LGBT, é se a trama irá abordar a sexualidade do personagem de um modo correto, sensível a causa, e evitando possíveis exageros. A dúvida é principalmente devido a falta de detalhes do trailer da nova produção da Disney.

Mesmo com tantas dúvidas, há um leque de elogios por parte da imprensa internacional, ressaltando a iniciativa da Disney em abrir esse espaço, e assim, aumentando a representatividade em suas produções. Principalmente, porque muitos críticos da sétima arte, acreditam que a atitude do estúdio deverá ser apenas um começo de uma nova postura.

Na trama, o ator Dwayne Johnson irá viver o papel de Frank, que é descrito como um capitão de barco amaldiçoado com a imortalidade, ele juntamente com a personagem Lily Houghton, interpretada pela britânica Emily Blunt, vão em busca de uma árvore mística, que eles acreditam ser capaz de dar a vida, ou seja, ele com seus mágicos poderes tem o dom da cura.

O longa tem a direção de Jaume Collet-Serra, o cineasta ganhou notoriedade com a A Órfã, e tem seu roteiro escrito pela dupla composta por John Requa e Glen Ficarra (Amor a Toda Prova).

Jungle Cruise, faz parte do leque de lançamentos que estão previstos para o próximo ano, período que promete muito para o cinema, tanto internacional, como também o nacional. A data prevista para a estreia no Brasil da produção da Disney, é para o dia 23 de julho de 2020.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui