Jurassic World: Acampamento Jurássico supera as expectativas da crítica

Jurassic World - Camp Cretaceous futura animação da Netflix (Divulgação)
Jurassic World – Camp Cretaceous futura animação da Netflix (Divulgação)

A primeira temporada da série animada Jurassic World: Acampamento Jurássico (Jurassic World: Camp Cretaceous) estreou na Netflix no dia 18 de setembro. O seriado revisita o filme de 2015, Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros, onde o famoso parque está em pleno funcionamento, contudo, a história se foca em outros personagens. A trama segue um grupo de jovens que está em um passeio inaugural de um novo evento do parque dos dinossauros, mas acabam tento que lutar para sobrevive depois que a Indominus Rex escapa da jaula.

Jurassic World: Acampamento Jurássico foi criado por Colin Trevorrow, Steven Spielberg e Frank Marshall, e seu elenco de voz conta com Jenna Ortega, Ryan Potter, Sean Gimabrone, Jameela Jamill, Paul-Mikél Williams, Raini Rodriguez, Kausar Mohammed e Glen Powell. O programa trás muitas referências a todos os filmes jurássicos, bem como faz ótima ligações com os acontecimentos longa metragem de 2015.

O que a crítica achou da série

A primeira temporada de Acampamento Jurássico contou com 8 episódios, e os fãs de dinossauros estão torcendo pela segunda temporada. A animação feita em conjunto com a Universal, Amblin e DreamWorks foi muito bem recebida tanto pela crítica quanto pelo público. No IMDb conseguiu a nota 7,6 / 10 e no Rotten Tomatoes conseguiu 71% de aprovação da crítica e 88% de aprovação do público.

“Jurassic World: Camp Cretaceous segue o espírito do filme Jurassic World 2015” – Danielle Solzman, Solzy at the Movies.

“Há muito o que admirar na série e muitas surpresas também. O Camp Cretaceous tem um peso emocional que frequentemente o pega de surpresa” – Mark Newbold, Starburst.

“É raro encontrar um programa infantil moderno que confie em seu público para lidar com um assunto mais intenso. Nesse sentido, é algo para se admirar, mesmo que às vezes seja perturbador” – Beth Elderkin, io9.com.

“Jurassic Park: Camp Cretaceous mostra que ainda há muita emoção a ser explorada no caos do velho e bom Jurassic Park” – Nick Allen, RogerEbert.com.

Formado em administração e psicologia. Adora cartoons, animes e series animadas. Atualmente faz curso de desenho com especialização em cartoons.