Justiça toma decisão sobre briga de Johnny Depp e Amber Heard

Johnny Depp e Amber Heard travam batalha (Imagem: Reprodução)

Johnny Depp abriu um processo de difamação contra Amber Heard, depois que a ex mulher fez graves acusações contra o ator de Piratas do Caribe. Agora, segundo o site Yahoo, um juiz resolveu negar o pedido da atriz de Aquaman, que queria que o processo fosse deixado de lado.

Deep pede nada mais, nada menos que 50 milhões de dólares da ex esposa. Em reais, o dinheiro equivale a mais de 250 milhões. O processo ocorreu após uma publicação de Amber no Washington Post acusando Johnny de abuso doméstico.

A defesa do astro alega que a acusação é comprovadamente falsa, e o juiz Bruce White entendeu que, apesar de Amber não ter citado Depp, as pessoas sabem que o abusador mencionado é o ex dela.

“A decisão deixa com que um júri decida se o editorial de Heard é verdadeiro no que ela diz. Permanecemos confiantes de que a verdade de Heard vai prevalecer”, se pronunciou a defesa de Amber Heard, enquanto a de Johnny Depp não quis se manifestar.

Nas últimas semanas, vazou um áudio em que Amber Heard assume ter espancado Johnny Depp e os detalhes chocaram. “Eu então levantei, eu nem sei o que falei, quer dizer, devo ter dito algo como, ‘que m**** é essa?’, você sabe, porque você tinha acabado de me acertar na cabeça com a maldita porta. Eu então levantei e você me acertou (de novo)”, diz Depp no áudio disponibilizado pelo Daily Mail.

“Eu apenas reagi e peço desculpas”, respondeu a atriz de Aquaman, que também se manifestou sobre a briga no tribunal do condado de Fairfax, na Virginia:

“Depois de ficar enfurecido, ele começou a destruir bens pessoais por toda a casa, incluindo meus pertences no armário. Minha irmã Whitney estava lá, então quando Johnny pulou para me bater, Whitney se colocou entre nós. Johnny se voltou para ela, que estava no topo de um lance de escadas, e seguiu em frente. Agindo em defesa da minha irmã, como eu tinha medo por sua segurança física, dei um soco no rosto de Johnny para desviar sua atenção dela. Essa foi a única vez que bati em Johnny. Nesse ponto, a segurança da casa interveio e nos separou”, disse ela.

 

Comentários