Kerry Washington explica por que morre de medo de ser parada pela polícia

Kerry Washington
Kerry Washington (Divulgação/ ABC)

Conhecida pela série Scandal, e mais recentemente por ter participado da série Little Fires Everywhere ao lado de Reese Whiterspoon, a atriz Kerry Washington disse que teme ser vítima de racismo, assim como teme ser parada pela polícia, já que mesmo com protestos, são crescentes os casos de violência contra negros no país. Segundo a estrela em participação no podcast Jemele Hill is Unbothered, ela evita andar com seus filhos em bairros em que possam chamar a polícia para ela sem motivo aparente.

“Não importa o que eu faça, não importa quantas indicações ao Emmy [eu tenha]; às vezes ainda tenho medo de andar de scooter com meus filhos em bairros onde sinto que alguém poderia chamar a polícia. Porque aquele policial pode nunca ter visto o Scandal. Eu ainda tenho esse medo muito real”, explicou.

A atriz ainda disse que goza de alguns privilégios por ser uma figura pública que outras pessoas negras nos Estados Unidos não têm. “Se eu tenho medo, imagine alguém que é um trabalhador da linha de frente, que não pode dizer: ‘Você não sabe quem eu sou? Ligue para este número. Pesquise sobre mim no Google’. Imagine como tem medo alguém que não tem alguns dos recursos que eu tenho”.

A atriz explicou que para se aprofundar no assunto estava lendo o livro Caste: The Origins of Our Discontents, escrito pela jornalista Isabel Wilkerson, e que faz uma análise do racismo no país, e percebeu com isso que seu medo não é algo infundado, e que existe sim, chances de ela sofrer preconceito e qualquer injustiça policial a qualquer momento pelo simples fato de ser uma pessoa negra. “Não é algo irracional, e sim fundado em uma verdade histórica, e fatos”. Washington concorreu ao Emmy como melhor atriz em minissérie dramática por seu papel em Little Fires Everywhere, disponibilizada no Brasil pela Prime Video.