King’s Man: A Origem: Prelúdio ganha novas imagens; Confira!

King’s Man: A Origem (Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)

Depois do novo trailer, o 20th Century Studios divulgou uma série de novas imagens de King’s Man: A Origem. O prelúdio de Kingsman conta com direção de Matthew Vaughn, que comendou e trabalhou nos roteiros dos longas dos dois primeiros longas, e é estrelado por Ralph Fiennes (‘O Paciente Inglês’, ‘Harry Potter’).

Confira:

King’s Man: A Origem (Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)
(Imagem: Divulgação/ 20th Century Studios)

Além de dirigir, Vaughn também assume o roteiro do filme junto com Karl Gajdusek (Oblivion). Ambientada durante a Primeira Guerra Mundial, a trama segue as origens dos grupos de espiões que estão presentes dos dois primeiros longas. Na trama, Oxford (Fiennes) e seu protegido devem correr contra o tempo para impedir que terríveis e violentos criminosos executem um plano que pode matar milhões de pessoas.

Gemma Arterton (Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo), Matthew Goode (Downton Abbey), Rhys Ifans (O Espetacular Homem-Aranha), Tom Hollander (Piratas do Caribe), Harris Dickinson (Beach Rats), Daniel Bruhl (The Alienist), Charles Dance (Game of Thrones), Djimon Hounsou (Diamante de Sangue), Aaron Taylor-Johnson (Vingadores: Era de Ultron) e Stanley Tucci (Um Olhar no Paraíso) completam o elenco.

King’s Man: A Origem estreia no dia 18 de setembro nos cinemas americanos.

Assista ao trailer:

 

Diferente

No ano passado, Matthew Vaughn disse durante participação no New York Comic Con que o prelúdio será um pouco distinto dos dois primeiros longas. O diretor conta que as sequências de ação terão uma outra perspectiva. “Nós tivemos que mudar. Tentamos reinventar a luta de espadas, vamos colocar dessa maneira. Realizamos algumas sequências de lutas muito boas com espadas, e as armas eram – quero dizer, elas ainda são armas, ainda são…”, explicou em conversa com o ComicBook.com. “Acho que a ação só precisa contar uma história, e não ser chata. Então, essa regras estão em King’s Man: A Origem. O filme inteiro é um primo muito distante, mas amoroso, do original Kingsman. Portanto, há ação, mas é um pouco diferente”.