Kumail Nanjiani conta que já perdeu papel por se recusar a fazer sotaque estereotipado

Kumail Nanjiani
Kumail Nanjiani (Reprodução)

O que fazer quando um papel exige que você lute contra seus princípios para consegui-lo? Isso aconteceu bastante com Kumail Nanjiani, astro do filme Os Etenos da Marvel, que contou que já foi dispensado de um papel que estava pleiteando ao se recusar a usar um sotaque paquistanês.

O ator falou em entrevista ao canal Fox News, que tinha dificuldade em encontrar testes para personagens que não pedissem para ele usar seu sotaque paquistanês, o que ele chamou de ‘papéis estereotipados para caras pardos’. “Eu tenho um sotaque paquistanês, mas eles seriam como: ‘Você poderia torná-lo mais engraçado? Incline-se um pouco mais nele’. E, em algum momento, decidi que não faria isso”, revelou ele.

Anteriormente, ele havia dito que faria qualquer sotaque que o papel exigisse, porém ele pontuou que não acha respeitoso fazer um sotaque que é a representação de um povo, só para soar engraçado para determinado público. Ele disse que sua decisão não era radical, e acabou pagando o pato por isso algumas vezes.

“Há certos papeis que exigem um sotaque paquistanês ou indiano mais denso, e isso é ótimo, mas eu só não queria que a comédia viesse de alguém exagerando o sotaque”, explicou ele relatando o que ocorreu ao fazer o teste para um filme famoso. “Houve um filme muito, muito grande que eu fiz um teste e era para ser um motorista de táxi, e o diretor disse: ‘Ei, você poderia interpretar o sotaque um pouco?’ E eu fiquei tipo: ‘Sinto muito, não vou’. E então o cara se sentiu muito mal”.

“E eu fiquei tipo, ‘Não, está tudo bem. Eu simplesmente não vou fazer isso. Se é isso que você quer, eu não sou o seu cara’. E então esse filme foi um enorme sucesso”, disparou Nanjiani, que passou por um intenso treinamento para ficar fortão para interpretar um herói da Marvel, algo que ele sempre sonhou.