A Metade Negra (Reprodução)

Vamos combinar que nunca houve época melhor para ser fã de Stephen King do que agora. O celebrado autor está passando por uma incrível renascença onde grande parte do seu legado literário tem sido adaptado para o cinema e tv. Um novo projeto do estúdio MGM acaba de ser divulgado e entra para a extensa lista.

A Metade Negra, terror que conta a história de um autor e do seu pseudônimo, vai virar filme, de acordo com informações do Deadline. O diretor escolhido foi Alex Ross Perry, responsável pelo sucesso independente Her Smell, estrelado por Elizabeth Moss. A história foi publicada por King em 1989, e Perry tem planos de reinventá-la, porém maiores detalhes não foram revelados.

A trama original seque Thad Beaumont, um alcoólatra em recuperação que possui sucesso moderado como autor, mas cuja série publicada sob o pseudônimo George Stark, sobre a vida de um serial killer fictício, é a que se tornar o verdadeiro hit. Quando o segredo que Thad e George são a mesma pessoa, sua esposa Liz sugere que seja realizado um funeral para a segunda personalidade.

Decisão errada

O evento faz com que Thad e sua família passem a ser atormentados. O conto é inspirado nas próprias experiências pessoas de Stephen, que teve seu pseudônimo, Richard Bachman, descoberto e divulgado pela mídia. A Metade Negra foi adaptado anteriormente para o cinema pelo diretor George Romero em 1993 e estrelado por Timothy Hutton, Amy Madigan, Julie Harris e Royal Dano.

Na época do lançamento, o filme recebeu críticas mistas e foi acusado de não ser assustador o suficiente. Perry, um grande fã da obra de King, sem dúvida fará jus ao seu grande talento. Além disso, o diretor também está incumbido de adaptar outra história do escritor, Rest Stop, pelo estúdio Legendary. Ambas as produções ainda não tem previsão de estreia.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui