Marvel pode adaptar famoso arco dos quadrinhos nos próximos filmes do Homem-Aranha

Homem-Aranha: Longe de Casa (Sony)

A produção do filme Homem-Aranha 3, que começaria a ser rodado em julho foi paralisada devido à pandemia causada pelo coronavírus, assim como praticamente toda a indústria do entretenimento, mas a Marvel parece já estar planejando a vida do personagem a longo prazo, muito além inclusive do próximo filme previsto para chegar nas telonas só em novembro do ano que vem.

De acordo com o site We Got This Covered, o estúdio estaria já pensando nos filmes 5 e 6 do herói adolescente. E o mais interessante seria a história abordada no quinto longa, que é bastante conhecida pelos fãs dos quadrinhos, e mostra a morte de Peter Parker.

Quando o Homem-Aranha falece, o vilão, Doutor Octopus transfere sua consciência para o corpo de seu inimigo sem vida, e assume a personalidade dele, arrependendo-se de toda a sua vida anterior, meio a um aparente processo de redenção. Na época em que a história foi publicada muita gente chegou a torcer o nariz, e acredita que aquilo não era o correto a se fazer com o personagem, mas a Marvel conseguiu colher os frutos da ousadia já que viu um aumento considerável na venda de revistas.

Existem rumores que dizem inclusive que o próximo filme servirá para introduzir Octopus no universo do personagem, mas ainda não se tem detalhes de como os diretores farão isso. Os fãs do personagem observaram através das redes socais que a Marvel Studios geralmente adapta determinadas histórias em quadrinhos para transformá-las em filmes, e que esta história envolvendo o Aranha não necessariamente seria como acontecesse nas páginas da revista.

Faz exatamente quatro anos que Peter apareceu pela primeira vez no Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) em Capitão América: Guerra Civil, segundo Tom Holland, que interpreta o personagem já disse, foi ele quem possibilitou de certa forma que o herói continuasse na Marvel, ao pedir para o antigo CEO da Disney para fazer um acordo de propriedade com a Sony Pictures.