Marvel quer personagem gay emvHomem-Aranha e você não faz ideia de quem seja

Tony Revolori como Flash em “Homem-Aranha: De Volta ao Lar” (Divulgação)

A incursão do Homem-Aranha no Universo Cinematográfico da Marvel, mostrou que o estúdio é capaz de lidar com qualquer empecilho que possa surgir no caminho. E melhor que isso, com o filme do herói adolescente fazendo um sucesso estrondoso, a empresa pode não ter medo ousar para se adequar a outros públicos e lacunas ainda não exploradas.

De acordo com o site We GoT This Covered, a Marvel pretende fazer com que um personagem do filme revele sua homossexualidade, no caso, seria Flash Thompson, interpretado por Tony Revolori. Não há nada acertado para quando isso irá acontecer, embora cogite-se que seja em Homem-Aranha 3.

A discussão dentro da Disney é como isso seria feito, e até onde eles iriam para mostrar que o personagem é gay, num filme feito para a família. A Casa do Mickey Mouse está tentando abraçar todos os mercados de uma só vez, seja através do Disney Plus, da Marvel, da Fox, ou mesmo de suas outras empresas já consolidadas e com público cativo, e certamente falta algo pensado para o público LGBT em suas produções.

Ou pelo menos algo que gere identificação. Justamente para não assustar o público, a Disney prefere se manter à margem quando o assunto é a diversidade, e gerou grande polêmica há dois anos quando inseriu um personagem gay no live-action de A Bela e a Fera. Na ocasião, LeFou sequer falou em sua sexualidade, e foi mostrado apenas como melhor amigo e capacho de Gastão.

Sobre a sequência de Homem-Aranha, desta vez produzida pela Marvel/ Disney e não mais pela Sony, o que sabe é que a previsão de estreia é para 16 de julho de 2021. “Estou emocionado que a jornada do Homem-Aranha no Universo Cinematográfico Marvel vai continuar. Eu e todos os estúdios Marvel estamos empolgados em continuar trabalhando nele”, comemorou Kevin Feige, chefão da Marvel, sobre o novo filme que fará feito sob o seu guarda-chuva.