Mulher-Leopardo ganha destaque em vídeos de Mulher-Maravilha 1984

Kristen Wiig em Mulher-Maravilha 1984/Divulgação

Mulher-Maravilha 1984 é uma das maiores promessas do cinema deste ano. O filme já deveria ter sido lançado, mas por conta da pandemia sua estreia acabou adiada. Contudo, a DC vem trazendo constantemente novidades sobre o longa metragem, e hoje foram liberados dois vídeos.

No primeiro vemos a Mulher-Maravilha (Gal Gadot) com sua armadura dourada, onde diz “Barbara, o que você fez?”, e logo em seguida ouve-se um rugido. E no segundo vemos Barbara (Kristen Wiig), a Mulher-Leopoardo, de um jeito bem ameaçador e falando: “Eu não quero ser como ninguém. Quero ser uma grande predadora”.

 

 

A Mulher-Leopardo é uma das maiores inimigas da Mulher-Maravilha nos quadrinhos, contudo, pouco se sabe sobre a personagem no longa metragem, pois foram divulgadas pouquíssimas imagens da vilã.

Mulher-Maravilha 1984 tem direção e roteiro de Patty Jenkins, com músicas de Hans Zimmer. O elenco inclui Gal Gadot, Kristen Wiig, Pedro Pascal e Chris Pine. De acordo com a recente sinopse divulgada, Diana Prince está trabalhando como arqueóloga. A super heroína se vê diante de uma perigosa conspiração criada por Maxwell Lord, além de ter que lidar com a misteriosa Mulher-Leopardo.

O primeiro filme da Mulher-Maravilha foi lançado em 2017 e arrecadou US$ 821,8 milhões em bilheteria mundial. No IMDb teve a nota 7,4 / 10, e no Rotten Tomatoes teve 93% de aprovação da crítica e 87% de aprovação do público. Veja abaixo que já disseram sobre o longa metragem:

“Como condiz com o gênero, a Mulher-Maravilha é heroica e espirituosa. As sequências de luta são espetaculares e a história é envolvente, animadora e divertida. Há até um pouco de romance e humor em meio a toda a ação” – Claudia Puig, The Asahi Shimbun GLOBE.

“Mulher-Maravilha é um filme de super-herói, e cumpre as demandas hereicas e míticas desse gênero, mas também é uma entrada no gênero de literatura de sabedoria que compartilha ideias duramente conquistadas e paradoxos do passado com uma ponderada intimidade” – Richard Brody, New Yorker.

“Jenkins tenta não apenas incluir homens do lado da Mulher-Maravilha, mas também fazer com que os espectadores se sintam melhor com uma mulher que os salva” – Leah Pickett, Chicago Reader.

Formado em administração e psicologia. Adora cartoons, animes e series animadas. Atualmente faz curso de desenho com especialização em cartoons.

ankara escort