Não é apenas Mushu: Outro detalhe foi cortado de Mulan!

Mulan
Mulan

Não é somente Mushu que não será visto em Mulan, live action da Disney que está prestes a chegar no cinema. Uma cena marcante da animação, na qual Mulan corta seus cabelos, foi cortada do longa metragem.

Segundo o site Cine Pop, o momento emblemático, evidenciando o empoderamento de Mulan, não será visto pura e simplesmente em razão de uma questão cultural, já que para alguns países, cortar as madeixas é significa desonra ou até mesmo uma vergonha.

Já a ausência de Mushu, foi explicada pela diretora Nick Caro em entrevista ao Digital Spy: “Não costumamos cantar quando vamos para a guerra. Não que eu tenha algo contra a animação. As músicas são brilhantes, e se eu pudesse colocá-las lá, eu faria. Mas honramos a música da animação de uma maneira muito significativa. Eu acho que isso é a maior coisa para mim em fazer – refazer – um filme icônico como Mulan em live-action. É o fato de que pode ser real e a história real de uma garota que está indo para a guerra”.

Aos curiosos, já saíram as primeiras avaliações sobre Mulan:

“Estou muito surpreso com o quanto gostei de ‘Mulan’. É majestoso, a ação é de tirar o fôlego, e [o filme] busca por um nível de sofisticação e beleza que você não esperava”, diz Peter Sciretta.

“O remake deixa para trás bastante coisa, mas oferece muito mais em sua ausência. Várias referências ao filme de 1998 apimentam uma história cheia de ação, humor e coração”, diz Alison Foreman.

“‘Mulan’ é absolutamente fantástico. Diferente o bastante com ótimas cenas de ação, mas com o coração do filme original. Nem mesmo importa que não seja um musical Se você é fã da animação, há sutis inclinações para várias das canções”, diz Kirsten.

“‘Mulan’ é animado, vibrante, emocionante e diferente da versão animada. Definitivamente, [o filme] tem sua própria identidade – um filme da Disney mais maduro, trazendo um design de produção e coreografias incríveis”, diz Eric Davis.

“‘Mulan’ é o melhor live-action da Disney desde ‘Cinderela’ nem mesmo senti falta das músicas. Ele encontra novas notas em uma história que já conhecemos, enquanto entrega ação, coração e humor”, disse por fim Anfgie J. Han.

Com direção de Niki Caro e roteiro de Rick Jaffa e Amanda Silver, Mulan estreia nos cinemas em 26 de março, ou seja, não teve o lançamento adiado em razão do atual surto de coronavírus pelo mundo.

Jornalista especializado em entretenimento, consumista de streaming e cinemaníaco de carteirinha.