O Disney+ está se posicionando como o principal concorrente da Netflix para o segmento de streaming, e isso fica cada vez mais evidente a cada notícia. Dá para imaginar Reed Hastings, Ted Sarandos e companhia preocupados com o futuro. Porém, quando decidem pesquisar o que o consumidor médio pensa das consequências dessas mudanças, o pânico dessa turma deve aumentar e muito.

A Netflix ainda conta com séries originais muito fortes nas mãos, onde Stranger Things é, sem sombra de dúvida, a carta mais forte na manga da plataforma. Porém, muitos usuários deixam claro que cancelariam a sua assinatura tão logo o Disney+ estiver disponível. E o motivo está nos conteúdos originais da Disney.

Uma recente pesquisa realizada pelo Hollywood Reporter mostra como pode ser esse novo cenário de caos da Netflix. 2.021 pessoas foram questionadas se abandonariam o serviço de streaming líder do mercado nesse momento com a chegada do Disney+ no mercado.

A resposta? Acachapantes 28% dos entrevistados afirmaram que abandonaria a velha plataforma para migrar para a solução do Mickey Mouse. E, com isso, o sinal de alerta vermelho está definitivamente ligado na Netflix.

Apesar de ser uma amostragem pequena de entrevistados (o que não necessariamente reflete a realidade de um grande público), uma porcentagem próxima dos 30% de perdas seria mais que suficiente para tirar o sono dos executivos da Netflix.

Na verdade, o principal motivo para um assinante deixar a Netlix e ir para o Disney+ é exatamente a perda de todo o catálogo de propriedade da Disney, que fatalmente vai abandonar o serviço de streaming do grande N mais cedo ou mais tarde.

É importante lembrar que 35% do grupo de fãs da Marvel na faixa etária entre 18 e 35 anos pensa em abandonar a Netflix, algo que deve se confirmar em novembro de 2019, quando o Disney+ estrear nos Estados Unidos.

O estudo completo é composto de 12 páginas e as respostas não contam com desperdício na análise. E assim está apresentado um panorama claro sobre o problema que a Netflix terá que lidar quando uma concorrência consolidada chegar.

 

Via Hollywood Reporter

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui