Netflix se pronuncia sobre retorno das gravações de suas produções no Brasil

Boca a Boca (Imagem: Divulgação/ Netflix)

A situação do covid-19 no Brasil tem se agravado a cada dia e quando o país já soma mais de mil mortes diárias pelo vírus, empresas internacionais, entre elas a Netflix, começam a repensar suas operações no país. 

Embora o plataforma de streaming não tenha planos de deixar de gravar séries brasileiras, ela admite que manter as datas de gravações diante da gravidade do vírus é quase impossível. 

Em um comunicado a Netflix classifica a situação do Brasil como “desafiadora”. “Conforme o mundo lentamente vai reabrindo, a nossa maior prioridade é recomeçar nossas produções com precaução e de uma maneira consistente com os padrões de saúde e segura, para nos certificarmos de que nossos assinantes possam apreciar uma ampla varieade de novo conteúdo de alta qualidade”, afirmou a companhia em uma carta assinada pelos seus acionistas, divulgada na última quinta-feira (16). As informações são do Notícias da TV.

A empresa avalia os riscos levando em conta o número de incidência de novos casos de Covid-19, disponibilidade de testes e até mesmo a maneira que governos se portam diante da crise. “Não há uma única saída que sirva para todos os países, vamos nos adaptar às circunstâncias locais”, acrescentou a nota. “Esperamos recomeçar os trabalhos nessas regiões bem mais tarde neste ano”, acrescentou o texto divulgado.

Em outros lugares do mundo, como o Japão que apresenta um número menor de casos e mortes que o Brasil, gravações já foram retomadas. O mesmo se passa para a Coreia do Sul, Alemanha, França, Espanha, Polônia e Itália.

“Recentemente retomamos a produção de dois filmes na Califórnia e dois projetos de animação stop-motion no Oregon, e esperamos que mais séries e longas norte-americanos comecem ainda nestre trimestre. Mas as tendências de infecção atuais criam mais incertezas para nossos trabalhos no país”, explicou.

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.