Netflix
Netflix

Vendo o sucesso da Netflix no Brasil e no mundo, ninguém poderia desconfiar que o streaming, que mudou para sempre a forma como assistimos tv, está na verdade enfrentando problemas. No último relatório divulgado, a plataforma não trouxe boas notícias aos acionistas.

Pela primeira vez em 8 anos, a Netflix afirma ter perdido assinantes nos Estados Unidos. O rombo foi de 130.000 contas apenas no últimos três meses. Internacionalmente no mesmo período, o número de novos assinantes foi 2 milhões menor do que o esperado. A notícia afetou imediatamente as ações da empresa na bolsa de valores, que apresentaram queda de 12%. Até o fim do último mês, o total era de 151.6 milhões de assinantes. O motivo, segundo o streaming, seria uma programação mais fraca, sem tantas novidades, o que não atraiu a atenção esperada e em consequência gerou um número menor de novos usuários, assim como o aumento no valor da mensalidade. A última vez que o streaming apresentou queda foi em 2011.

Investimentos

Recentemente também, foi divulgado que a plataforma havia decidido diminuir os gastos com produções originais, provavelmente como resultado dessa queda. Como estúdio, a Netflix construiu uma reputação de ser extremamente generosa quando o assunto são orçamentos para novos filmes e séries, assim como salários de atores e diretores. Um exemplo recente, que vai de encontro a essa suposta decisão, foi a aquisição de “Red Notice”, um projeto ambicioso e milionário estrelado por Dwayne Johnson, Ryan Reynolds e Gal Gadot, cujos cheques serão imensos. Infelizmente, se a empresa não quiser perder o primeiro lugar para a concorrência (HBO Max, Amazon, Disney +) terá realmente que suar a camisa – e abrir a carteira.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui