Netflix vai fazer alto investimento no Brasil em 2020; saiba o motivo

Sintonia
Sintonia é uma das séries brasileiras produzidas recentemente pela Netflix (Reprodução/YouTube – Netflix)

Na guerra entre as operadoras de streaming, que continuam se espalhando pela internet e com produtos e preços competitivos, a Netflix acaba de lançar mais uma cartada. A plataforma norte-americana vai fazer um alto investimento no Brasil em 2020. A informação foi divulgada pelo site de notícias TelaViva. De acordo com o portal, serão R$ 350 milhões apenas no ano que vem para o mercado brasileiro.

O grande motivo do investimento é lançar mais histórias originais e locais, mas que possuam interesse global. Segundo Greg Peters, um dos responsáveis pelo setor de produções do serviço de streaming, durante sua participação na Futurecom esta semana, a Netflix busca conteúdo nos 100 países onde realiza produções e vai promover o lançamento simultâneo dos novos conteúdos em 190 países.

“Grandes histórias podem vir de qualquer lugar e ser amadas em todo lugar do planeta”, disse Peters na Futurecom, conforme publicação do TelaViva. E completou: “Em primeiro lugar, e o mais importante, é que seja local. Na Netflix, nós contratamos executivos brasileiros de conteúdo”. Para ele, ao encontrar uma história com potencial, a Netflix buscará nomes competentes para a equipe de produção, mas tudo isso sem acabar com a liberdade criativa dada ao autor original da história.

Ao que tudo indica, a Netflix não deve economizar quando o assunto são produções. Recentemente, o CEO da companhia, Reed Hastings, revelou que a terceira temporada da premiada série The Crown, que volta ao catálogo da Netflix em novembro, custou exorbitantes US$ 125 milhões aos cofres da empresa. Durante conferência da emissora RTS no Reino Unido, o CEO, ao revelar os dados, disse que o valor vai se tornar “uma pechincha” à medida que novos serviços de streaming e novas produções forem surgindo.

Vale lembrar que, em novembro, chegam para o público as plataformas Disney+ e AppleTV+ (esta última, que vai também para o Brasil no referido mês e por preços competitivos). As duas operadoras de streaming serão concorrentes diretas da Netflix. “É um mundo inteiramente novo nascendo em novembro. Algum dia, os custos de The Crown parecerão uma pechincha”, disse o executivo na coletiva.

Possui Mestrado em Comunicação e Graduação em Jornalismo. Pesquisa cultura pop e também trabalha com o tema.

bostancı escort