Nicole Kidman defende diretor morto, e diz que ele a deixou escolher cena

Tom Cruise e Nicole Kidman em cena de De Olhos Bem Fechados
Tom Cruise e Nicole Kidman em cena de De Olhos Bem Fechados (Reprodução)

A atriz Nicole Kidman resolveu relembrar o filme De Olhos Bem Fechados, e rebater as críticas que o falecido diretor Stanley Kubrick tem recebido nos últimos tempos, de pessoas que disseram que trabalhar com ele era torturante. Em uma nova entrevista para o The New York Times Magazine a atriz disse que seu papel como Alice Harford na tela exigia uma cena de nudez frontal, e que o cineasta a avisou antes, e deixou que ela participasse de toda a escolha final para protege-la.

“Quando fui trabalhar com Stanley Kubrick, ele disse, ‘Vou querer nudez frontal completa’, e eu fiquei tipo, ‘Ahh, não sei’”, disse Kidman. “Então chegamos a um ótimo acordo, que era contratual. Ele me mostraria as cenas com a nudez antes de entrarem no filme. Então eu pude me sentir completamente segura. Eu não disse não a nada disso. Eu queria ter certeza de que não seria eu ali nua e todos rindo de mim. Eu estava protegida, então pude explorar um casamento complicado e a maneira como o personagem de Tom está tendo essas imagens de ciúmes”, disparou.

No filme, Nicole contracenava com seu então marido, Tom Cruise, e eles viviam um casal em crise, testados em diversas situações. “Eu nunca pensaria em não querer que a narrativa fosse contada de maneira adequada. Fazê-los dizer: ‘Assim que estiver tudo bem com isso, ótimo, é isso’ – que lugar fantástico para se estar como mulher… A forma como o acordo contratual que tenho com um diretor me permite fazer cenas de nudez e sexo são um jeito de eu me sentir segura. A sexualidade está aqui dentro de uma caixa, e não lidamos com isso. Fico feliz em lidar com isso, mas precisa haver um lugar para onde você possa ir, sem ser explorado. Então vou descer a estrada com você. Eu amo o relacionamento entre um diretor e um ator. Quando é puro, é requintado”.

Kubrick era famoso por seu estilo de filmagem envolvente e tomadas repetitivas, mas Kidman rejeita qualquer afirmação de que entrar em um filme sobre um casamento tenso com seu marido verdadeiro teve quaisquer consequências negativas na vida real. “Stanley, ele não era torturante. Ele era árduo por filmar muito. Mas eu sentava no chão de seu escritório e conversava, e assistíamos a vídeos de animais. Ele disse que os animais eram muito mais legais do que os seres humanos. Embora eu me lembre de que estávamos observando uma coisa da vida selvagem em que ele viu o leão perseguindo um antílope, e ele mal olhar para a tela. Interessante, não é?”, explicou ela relembrando que basicamente morava num trailer com Tom Cruise.