Nova série de Steven Spielberg só poderá ser assistida à noite; saiba porquê

Quibi abrigará nova série de Steven Spielberg, em formato inovador. (Divulgação)

Diretor e roteirista visionário, Steven Spielberg está tentando acompanhar as novas tendências da indústria do entretenimento, mesmo com as devidas reservas. Sua mais nova empreitada é uma parceria com a plataforma de streaming para aparelhos celular Quibi, informa o The Verge. O projeto será uma nova série de terror escrita pelo próprio Spielberg, com uma curiosidade: a produção será disponibilizada de tal forma que somente poderá ser assistida à noite.

Batizada de “Spielberg’s After Dark“, a série terá de 10 a 12 episódios exibidos com exclusividade no Quibi, dos quais cinco ou seis já foram escritos, confirmou o criador Jeffrey Katzenberg, que costumava ocupar um cargo de executivo na Disney. “Steven Spielberg chegou e disse ‘Eu tenho uma estória super aterrorizante que quero produzir’. Ele mesmo está escrevendo, o que não acontece há algum tempo, então tê-lo desenvolvendo isso é fantástico”, disse Katzenberg. A plataforma foi desenvolvida especialmente para abrigar produções em vídeo de curta duração, e foi preciso pensar em uma nova tecnologia para receber as ideias do diretor.

Programação interativa

Seguindo demandas específicas, a solução foi condicionar o aplicativo Quibi ao relógio do celular dos usuários. A depender do fuso, o app sabe quando o sol está a ponto de se pôr, e uma contagem regressiva é iniciada, após a qual os episódios estarão liberados para assistir. Uma vez liberados, a contagem reinicia, informando quanto tempo ainda resta antes que o sol nasça e a série desapareça da programação novamente, deixando ao público a opção de assistir Spielberg’s After Dark somente quando está escuro lá fora. O catálogo do Quibi terá por volta de 125 produções por semana, entre filmes e séries, todos em formato reduzido. O app tem previsão de lançamento para 6 de abril de 2020.

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.

bostancı escort