Novo trailer de Tenet, longa de Christopher Nolan é divulgado em plataforma de jogos

Robert Pattinson e John David Washington em “Tenet” (Imagem: Divulgação/ Entertainment Weekly)

Muito aguardado, o filme Tenet, do diretor Christopher Nolan, teve um novo trailer divulgado na noite desta quinta-feira, 21 de maio. O longa protagonizado por John David Washiongton (Ballers) e Robert Pattinson (The Batman), teve novas cenas mostradas em um vídeo divulgado no jogo de videogame Fortnite, lançado no Youtube algumas horas depois.

As imagens mostram que o personagem de Washington tenta impedir algo pior do que a Terceira Guerra Mundial por meio de uma técnica que ele chama de “inversão”. Contrariando expectativas, Tenet manteve sua data original para 17 de julho nos Estados Unidos, e não passou por um adiamento por causa do novo coronavírus, como outros longas como Um Lugar Silencioso – Parte II, 007: Sem Tempo Para Morrer, Viúva Negra, entre outros.

Existe no mercado cinematográfico, a quase certeza de que em julho, o mundo já estará normalizado em relação ao vírus, podendo reabrir o mercado. No entanto, um novo relatório observa que, para se qualificar para essa data, a Warner Bros. precisa que 80% dos cinemas do mundo estejam abertos, incluindo os de Nova York, Los Angeles e San Francisco. Isso faria com que o filme fosse exibido em 3.500 salas domésticas só em território americano e em mais de 30.000 telas em todo o mundo.

Segundo uma entrevista de um especialista em filmes para o jornal Washington Post, o filme servirá como espécie de ‘boi de piranha’ para todo o mercado. Caso no mês de julho o lançamento se mostre impossível e o filme precise ter sua estreia adiada (ou seja um fracasso comercial), todos os filmes, de todos os estúdios, devem ser adiados pelo menos até dezembro, o que joga bastante responsabilidade sobre o colo de Nolan, mais uma vez. Se for necessária uma mudança na data de lançamento, Tenet ocupará no calendário da Warner Bros., a data 14 de agosto, que caberia à Mulher-Maravilha 1984, o que atrasaria a película da heroína até o fim do ano.

 

Comentários