Bebê Yoda (Reprodução)

O texto a seguir contém spoilers de O Mandaloriano. Mesmo sem ainda ter estreado no Brasil, basta estar conectado na internet para receber spoilers da série mais famosa do Disney+ até agora. Assim sendo, é impossível não estar ciente da existência da criatura mais fofa das galáxias: o bebê Yoda.

Calma, a gente sabe que o personagem não é realmente o sábio mestre, mas o apelido pegou e agora é tarde de mais para voltar atrás. Fato é que o público foi pego de surpresa quando ao fim do primeiro episódio foi revelado que a preciosa carga que o Mandaloriano de Pedro Pascal foi incumbido de encontrar tratava-se na verdade de um bebê da mesma espécie alienígena.

Obviamente os fãs correram para as redes sociais a fim de dissecar toda e qualquer possibilidade de descobrir sua origem, porém segundo o que o produtor e diretor Dave Filoni revelou ao ET Canadá, o mistério pode permanecer sem solução. “É algo excitante, mas eu acho que existe muita responsabilidade”, começou ele.

Uma das razões pela qual eu realmente fiquei interessado na ideia que o Jon [Favreau] apresentou foi o tema dessa criança, e sabendo o quão importante o Yoda é para o George Lucas, eu quis ter certeza que poderia ajudar a tomar conta disso. Eu acho que ainda queremos manter várias coisas um mistério, não queremos sair por aí respondendo perguntas e transformando ele em algo menos especial”.

A sete chaves

O segredo envolveu até mesmo o departamento que cuida dos brinquedos e action figures da Disney, que foi proibida de comercializar ou fazer propaganda da criatura até que ela fosse revelada na série. E honestamente? Esse sem dúvida foi o melhor caminho.

As coisas ficaram ainda mais interessantes quando descobrimos que personagem – que tem por volta de 50 anos na série, o que equivale a 4 ou 5 anos para humanos – possui uma incrível sensibilidade para a Força, tendo sido capaz de salvar o Mandaloriano, além de conseguir andar e se alimentar sozinho.

O que o futuro reserva para o pequeno bebê Yoda, só o tempo dirá. O serviço de streaming chega por aqui em 2020.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui