Olhos que Condenam: Promotora do caso real toma atitude contra a Netflix

Olhos que Condenam
Olhos que Condenam (Divulgação)

A promotora de justiça Linda Fairstein, que esteve envolvida no caso que inspirou a série Olhos que Condenam, está processando a Netflix. Fairstein alega que foi difamada pela maneira que a minissérie a retratou.

O site TMZ teve acesso a um documento no qual a promotora nega ter manipulado os fatos, usado expressões racistas ou escondido evidências que provariam a inocência dos cinco acusados. 

Fairstein ainda descreve sua personagem, interpretada por Felicity Huffman, como uma “vilã racista e sem ética que está determinada a prender crianças inocentes de cor, custe o que custar”. Além da Netflix, Ava DuVernay e Attica Locke, roteiristas da minissérie, também estão sendo processadas.  

A Netflix, por sua vez, respondeu a matéria do TMZ, classificando o processo movido por Linda Fairstein de ‘Leviano’ e ‘Sem mérito algum’. Nós pretendemos defender Olhos Que Condenam vigorosamente, assim como Ava DuVernay, Attica Locke e a incrível equipe por trás da série.”

Olhos que Condenam é uma produção inspirada no caso real de cinco adolescentes negros, rotulados como ‘Central Park Five’, que foram condenados por um estupro que não cometeram. 

Vale lembrar que este não é o primeiro processo que a Netflix sofre por causa da série. Em outubro do ano passado, John E. Reid and Associates entrou com uma ação contra a plataforma de streaming por utilizar o Método Reid de Interrogatório, que é de propriedade da empresa. No quarto episódio da trama o método é citado, quando um personagem acusa a polícia de utilizar a técnica para arrancar confissões falsas dos jovens que foram condenados por um crime que não cometeram.

“Você extraiu declarações deles depois de 42 horas de interrogatório e coação, sem comida, intervalos para o banheiro, nem a supervisão dos pais. A Técnica Reid já foi universalmente rejeitada”, diz a personagem em uma cena da produção.

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.