Pablo Schreiber fala sobre ‘Em Defesa de Jacob’ e elogia Chris Evans

Em Defesa de Jacob (Imagem: Divulgação)

Lançada em abril no Apple TV+, Em Defesa de Jacob traz Chris Evans em um papel diferente daquele que o tornou conhecido mundialmente. O intérprete do Capitão América assume a figura de Andy Barber, um promotor de justiça que precisa solucionar um assassinato de um adolescente e, para piorar, seu próprio filho é acusado de assassinar o colega. Em entrevista concedida ao Collider, Pablo Schreiber (13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi) revelou como foi dividir a tela com o astro da Marvel. Na minissérie de drama e mistério, o ator dá vida ao promotor Neal Loguidice.

Questionado sobre a experiência de trabalhar ao lado de Evans, Schreiber destacou o talento do colega de elenco e afirmou que esse deve ser o melhor trabalho da carreira do astro. “Eu amo o Chris. Eu acho que ele faz um trabalho incrível nesta série, e eu disse a ele, assim que o vi, que acho que é o melhor trabalho de sua carreira”, afirmou. “Ele é tão fundamentado, confortável e fácil nesse papel, e tão relacionável. Fiquei impressionado com isso, imediatamente”.

Sobre as gravações, o ator destacou a complexidade da cena do grande júri. “O processo de filmagem foi bastante indolor. Foi um pouco assustador”, disse. “Nas cenas do tribunal, filmamos todos juntos. O episódio 7 foi filmado como um pedaço. Mas a cena do Grande Júri, que acabou sendo posta em cena durante toda a temporada, para conduzir e avançar a trama, filmamos em dois dias. Foram 52 páginas de diálogo, apenas ele e eu, indo e voltando. Esse foi um dos desafios mais singulares da minha carreira, preparando 52 páginas de cenas bastante intensas e depois juntando-as em dois dias de filmagens”.

Desenvolvida por Mark Bomback (Planeta dos Macacos: O Confronto), a minissérie de oito episódios é baseada é no romance homônimo de William Landay. Além de Chris Evans e Pablo Schreiber, Em Defesa de Jacob ainda conta com Michelle Dockery (Downton Abbey) Jaeden Martell (It: A Coisa), J.K. Simmons (Whiplash: Em Busca da Perfeição), Cherry Jones (24 Horas) e Betty Gabriel (12 Horas para Sobreviver: O Ano da Eleição).

Assista ao trailer:

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.