PGA se pronuncia sobre a polêmica guerra de Vin Diesel contra o sindicato

Vin Diesel
Vin Diesel (Imagem: Divulgação)

Na última semana fomos surpreendidos com uma publicação feita por Vin Diesel no Instagram onde ele disse estar entrando em guerra com o Sindicato dos Produtores da América (Producers Guild of America- PGA), pois quer ser devidamente creditado como produtor de todos os filmes da Franquia Velozes e Furiosos, porém, momentos depois a publicação foi apagada.

A marca PGA aparece após o nome de um produtor quase sempre nos créditos finais, marcados com as letras “p.g.a”. A função mais importante da marca é que ela habilita alguém a receber o Oscar de melhor filme, um prêmio que vai para os produtores. No nível de estúdio, os produtores com a marca geralmente têm direito a bônus iniciais e aumentados com base no desempenho das bilheterias e nas nomeações para prêmios.

De acordo com uma matéria da Variety, por ter seu pedido negado diversas vezes, Diesel disse que a culpa é por conta de uma intriga entre a Universal Pictures e o PGA. Após a publicação ter sido apaga na rede social, o site entrou em contado com os envolvidos, onde nem a Universal e nem os representantes e Vin Diesel se pronunciaram, mas obtiveram respostas da PGA.

O porta voz do PGA disse à Variety: “É política da Associação de Produtores não comentar arbitragens individuais. O objetivo da marca do produtor é proteger a integridade do crédito ‘Produzido por’. Um painel de produtores experientes analisa relatos anônimos em primeira mão de cineastas e equipe principal, a fim de determinar quem executou a maior parte das funções de produção em um único filme”.

Ainda foi relatado que ao determinar a elegibilidade, o sindicato “pode entrar em contato com os principais participantes criativos e chefes de departamento (por exemplo, escritor, diretor, diretor de elenco, gerente de produção da unidade, designer de produção, diretor de fotografia, supervisor de pós-produção) para obter informações confidenciais” sobre o nível de trabalho contribuído por um produtor, dizem as regras. O processo também é totalmente anônimo.

A matéria ainda relatou que outras pessoas envolvidas em Velozes e Furiosos são contra Vin Diesel ganhar a marca. “Vin é um cara complicado”, comentou um executivo da franquia. Além disso, fontes relataram que Diesel tem o típico comportamento de estrela e costuma chegar horas atrasado para gravar as cenas, principalmente as mais importantes e caras, o que aumenta ainda mais o custo da produção dos filmes. Outra fonte pontuou: “Está claro que Vin quer isso e está disposto a se sujar”.

Formado em administração e psicologia. Adora cartoons, animes e series animadas. Atualmente faz curso de desenho com especialização em cartoons.

bostancı escort