Os Muppets (Divulgação)

Um dos maiores ícones da televisão e da cultura pop, Os Muppets estavam com tudo pronto para estrelarem duas novas séries na plataforma Disney+. Porém uma nova decisão por parte da casa do Mickey chega para deixar os fãs decepcionados.

De acordo com informações do Deadline, a série intitulada “Muppets Live Another Day” (Muppets Vivem um Outro Dia, em tradução livre), foi cancelada pelo streaming antes mesmo do seu primeiro episódio. A produção seria uma continuação direta de “The Muppets Take Manhattan” (Os Muppets Invadem Manhattan) exibida em 1984.

O enredo teria como foco o sapo Kermit tentando juntar o grupo novamente, após ter se separado, para ajudá-lo a localizar o cachorro Rowlf. O motivo do cancelamento seriam desentendimentos entre a visão artística dos roteiristas e dos executivos do Muppet Studio, que pertence à Disney. O projeto havia sido criado por Josh Gad (Frozen) e por Adam Horowitz e Eddy Kitsis, responsáveis por “Once Upon a Time”.

Mas nem tudo está perdido. Uma segunda série, intitulada “Muppets Now”, segue confirmada. A produção terá os fantoches interagindo com diversas celebridades, em formato não roteirizado e episódios de curta duração. A estreia está prevista para 2020.

Desistências

Essa é a segunda vez em um curto espaço de tempo que a Disney cancela uma das produções confirmadas para integrar o catálogo da sua futura plataforma. Anteriormente havia sido divulgado que a série “Book of Enchantment”, que focaria nas principais vilãs e vilões dos clássicos do estúdio, foi interrompida inesperadamente.

A decisão foi tomada, assim como no caso dos Muppets, devido a visões divergentes sobre o enredo. Os roteiristas pretendiam seguir uma linha um pouco mais obscura com a produção, algo que desagradou os cabeças do estúdio. Rumores dão conta de que já haviam sido gastos cerca de 4 milhões de dólares. O Disney+ estreia nos Estados Unidos em 12 de novembro.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui