Atriz explica motivo de Yo-Yo não usar saias na temporada final de Agentes da S.H.I.E.L.D.

Natalia Cordova-Buckley como Yo-Yo em Agentes da S.H.I.E.L.D. (Foto: Reprodução)
Natalia Cordova-Buckley como Yo-Yo em Agentes da S.H.I.E.L.D. (Foto: Reprodução)

A sétima e última temporada de Agentes da S.H.I.E.L.D. (Agents of S.H.I.E.L.D.) está no ar e estamos vendo os protagonistas em aventuras no passado e usando os estilos de roupa e cortes de cabelos das respectivas épocas. Contudo, ao chegarem em 1930 foi notado que Yo-Yo, a personagem de Natalia Cordova-Buckley, não estava seguindo a moda da época.

É notável que os agentes secretos raramente usam roupas civis, com é o caso de Coulson, que é geralmente visto de terno e gravata, enquanto May se sente mais confortável com jaqueta de couro e botas de combate. Mas na viagem para 1930, enquanto Daisy e Jemma optaram por usar saias, Yo-Yo continuou a usar calças. Em uma entrevista para o Collider, Natalia Cordova-Buckley justificou o figurino.

Ela disse: “Adorei as roupas que pude usar, especificamente, porque senti que era realmente Yo-Yo. Ela se recusa a usar uma saia. Ela decide usar sapatos de salto alto porque, se não, vai deixar a equipe e as pessoas vão questionar por que há uma mulher na década de 1930 com Doc Martens com dedos de aço. Ela sacrifica certas coisas, mas não completamente a si mesma. Eu amo isso, com o guarda-roupa – você verá que ela cede a certas coisas, mas ela não vai usar saia. Ela não se importa com a época, ela vai usar calça. Eu amo isso nela. Eu amo que, durante a montagem do guarda-roupa, ficamos tipo ‘Absolutamente sem vestidos e absolutamente sem saias para Yo-Yo’. Há uma mulher muito moderna nisso. Há uma mulher que diz: ‘Eu preciso estar pronta para lutar. Eu preciso estar pronta para correr’. Nunca se trata de parecer bonita e nunca é sobre o protagonista. É sempre sobre, ‘Isto é quem eu sou, e é assim que posso ser a melhor versão de quem eu sou’. Eu amo isso nela, e o guarda-roupa que eles fizeram para ela”.

Comentários