Principais festivais de cinema anunciam exibição de filmes no YouTube

We Are One: A Global Film Festival (Imagem: Divulgação)

De acordo com a Variety, os festivais de cinema de Cannes, Toronto, Berlim, Sundance, Veneza, Tribeca, entre outros, decidiram organizar um único festival online batizado de We Are One: A Global Film Festival como medida de contornar os calendários afetados pela pandemia do novo coronavírus.

O evento será transmitido no Youtube entre 29 de maio e 7 de Junho, gratuitamente, além disso será disponibilizada uma página para angariar fundos à Organização Mundial da Saúde (OMS). 

Contudo, o festival online não substituirá os festivais presenciais, alguns dos quais como, Veneza e Toronto, seguem com datas agendadas, enquanto a mostra de Cannes ainda delibera sobre uma nova data após dois adiamentos.

O We Are One foi uma iniciativa que partiu da Tribeca Enterprises, a empresa fundada por Robert DeNiro conseguiu apoio de 20 festivais de diversas partes do globo.

Os filmes serão escolhidos por cada um dos festivais, e exibidos sem anúncios, com a divulgação já nas próximas semanas. Entre os formatos estão longas-metragens, documentários, curtas, animações e musicais. Como todo bom festival, o We Are One também contará com painéis de discussão a respeito dos filmes exibidos. 

Nos últimos dias, o diretor do Festival de Cannes Thierry Fremaux concedeu uma entrevista à revista Variety, na qual afirmou que pretende realizar o evento até o “outono para contribuir” com toda a indústria do cinema, e ainda com a reabertura dos cinemas em todo o mundo.

“O cinema e suas indústrias estão ameaçados. Teremos que reconstruir, reafirmar sua importância com energia, unidade e solidariedade”, afirmou ele, que levantou ainda a possibilidade do festival vir a acontecer com um formato diferente do usual. Por enquanto, o comitê vai continuar assistindo aos filmes que forem enviados até o início de junho.

O que todos devem entender é que, se lutarmos, não é para o próprio festival , mas para apoiar o relançamento econômico de todo o setor, em escala global. Os filmes, os artistas, os profissionais, os teatros, seus eventos e audiências”, considerou Freumaux.

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.