Produtor resolve se pronunciar sobre algo ruim que aconteceu com Stranger Things

Stranger Things
Stranger Things é renovada para a 4ª temporada (Reprodução/YouTube – Netflix Brasil)

Um Produtor de Stranger Things resolveu se pronunciar sobre a paralisação dos trabalhos por conta da pandemia mundial por conta do coronavírus.

Como sabido, os trabalhos da quarta e talvez última temporada da série da Netflix haviam acabado de começar. “Nós compartilhamos a notícia com nosso elenco e equipe que estaríamos pausando a produção com muita cautela. Não havia tripulantes doentes, ninguém exibia sintomas, mas parecia a coisa certa a fazer”, disse o produtor executivo e também diretor Shaen Levy entrevista à Variety.

Inclusive, coube ao profissional contar aos mais de 100 colegas sobre a interrupção. Levy ficou preocupado em razão de muitas pessoas terem apenas este trabalho e, portanto, talvez passassem aperto durante esse período de isolamento.

Então, a Netflix aceitou pagar as pessoas ligadas à Stranger Things pelo período de duas semanas, que é o tempo que eles imaginam que precisarão ficar sem gravar: “Estou feliz que a Netflix queira fazer o que é certo com a saúde e o bem-estar das pessoas que fazem esse programa”.

Recentemente, Finn Wolfhard falou sobre a volta de David Harbour na nova leva de episódios em entrevista à NME. “Acho que foi planejado, porque há um certo tempo até que as pessoas descubram que David Harbour está de volta ao set e começam a falar sobre isso. Eu acho que a Netflix meio que cortou isso pela raiz muito cedo. Eu nem sabia que o trailer estava saindo até o momento em que eu o publiquei no Instagram! Então eu estava empolgado. Eu sabia que Hopper estava vivo, eu simplesmente não sabia que o trailer sairia. Então agora estou realmente empolgado para que todos vejam, disse ele.

A Netflix também se pronunciou sobre o retorno de David Harbour. “Estamos empolgados em confirmar oficialmente que a produção de Stranger Things 4 está em andamento – e ainda mais empolgados em anunciar o retorno de Hopper! Embora nem todas sejam boas notícias para o nosso “americano”; ele está preso longe de casa, no deserto nevado de Kamchatka, onde enfrentará perigos tanto humanos… quanto outros. Enquanto isso, nos Estados Unidos, um novo horror está começando a surgir, algo enterrado há muito tempo, algo que conecta tudo”.

Jornalista especializado em entretenimento, consumista de streaming e cinemaníaco de carteirinha.