Produtora anuncia remake de Viva! A Babá Morreu

Viva! A Babá Morreu
Viva! A Babá Morreu (Divulgação)

Hollywood definitivamente não para de produzir remakes de filmes que foram sucesso no passado, e o próximo que será refeito pelo cinema é Viva! A Babá Morreu, longa de 1991 protagonizado por Christina Applegate, conforme noticiado pelo site Deadline. A grande diferença é que o novo longa focaria em uma família inteiramente negra.

A história está sendo escrita por Chuck Hayward com Bille Woodruff, e terá produção da Treehouse Pictures. Os produtores executivos são Michael Phillips, que também foi produtor no original, Juliana Maio e Tova Laiter.

O filme de 1991, dirigido por Stephen Herek, além de Applegate, tinha Joanna Cassidy e Josh Charles no elenco. O enredo que já foi reprisado inúmeras vezes na Sessão da Tarde, da Globo, seguia a vida de Sue Ellen Crandell, uma adolescente meio rebelde que tinha um enorme desejo de se ver livre das duras regras impostas pelos pais.

Quando eles resolvem passar várias semanas na Austrália, Sue Ellen e seus outros quatro irmãos acreditam que encontraram dias de glória, até que surge em sua porta uma babá. E não é uma babá qualquer, e sim uma senhora idosa, que parece ter sido treinada por militares para colocar qualquer criança na linha. Atordoados pelos métodos rígidos da senhora, os irmãos planejam escapar da velhinha até que ela morre subitamente.

Para que seus pais não voltem da viagem, eles resolvem esconder o óbito e fingir que está tudo bem, até que as contas começam a chegar e eles precisam se virar para conseguir dinheiro. Sue Ellen, prepara um currículo falso, e finge a idade para começar a trabalhar em uma empresa que a possibilite pelo menos pagar as contas. Daí ela percebe que a vida de adulta é bem mais difícil, já que além de levar comida para casa, e lidar com problemas profissionais, ela ainda tem que cuidar de tudo de errado que os irmãos aprontam.

Apesar de o filme não ter tido um grande sucesso de crítica ou comercial na época em que foi lançado, ele acumulou um número significativo de fãs. “Viva! A Babá Morreu é um clássico cult. Estamos ansiosos para trazer ao público uma nova interpretação que seja tão engraçada e ultrajante quanto a original, mas também inteligente e conectada ao mundo hoje”, disse Justin Nappi, presidente da Treehouse. “Estou impressionado com quantas pessoas sabem as falas do filme original, e acho que essa equipe tem uma abordagem nova e moderna da história que ressoará de uma maneira totalmente nova”, disparou Philips, um dos produtores.