Produtora comenta se Aves de Rapina vai ser aposta para franquia na DC

Arlequina
Personagem Arlequina, de Birds of Prey, no trailer do filme (Reprodução/YouTube – Movieclips Trailers)

Com a proximidade da estreia do filme Aves de Rapina, que vai trazer a personagem Arlequina e sua turma quebrando tudo, muitos estão se perguntando se o longa vai ser realmente um sucesso e pode até mesmo se tornar uma aposta da DC, em seu universo estendido. Se isso vier a ocorrer, a Warner Bros. Pictures deve trazer sequências do longa com a equipe principal.

Recentemente, em entrevista ao site da revista Variety, dedicado ao conteúdo de entretenimento, a produtora Sue Kroll falou sobre a possibilidade. “Quem sabe? Qualquer coisa que faça sucesso pode dar origem a uma franquia no cinema. Não estamos descartando nenhuma possibilidade”, disse ela, sobre a possível aposta que pode ser feita em Aves de Rapina, para o filme se tornar uma franquia do DCEU.

Desse modo, a produtora não deu nada como fechado, mas disse que as possibilidades estão em jogo. Apesar disso, nem tudo são flores na produção. Recentemente, uma confusão acabou atravessando o longa Aves de Rapina. Foi informado que a dubladora Iara Riça, responsável por emprestar sua voz para a personagem Arlequina já em uma série de trabalhos, não fará mais parte do time de dubladores de Aves de Rapina.

Em sua conta oficial na rede social Facebook, ela informou ainda que, com sua saída do filme, estará se aposentando. “Quero comunicar que não serei a voz daquela personagem livre e maravilhosa e que tanto amo, no próximo longa, que vai estrear em fevereiro. Eu cheguei a dublar grande parte do filme, mas, pelo visto, eu e minha dublagem não fomos consideradas ‘adequadas'”, disse a dubladora Iara Riça.

Ela afirmou ainda a importância que a dublagem sempre teve para sua carreira: “Não sei dublar sem sentir. Dublo essa personagem desde o início, já faz mais de duas décadas, em animações, games e filme. Acompanhei seu empoderamento e sua luta pela emancipação e respeito, assim como de todas as mulheres, incluindo a mim”.

Comentários