Produtora de Como Treinar Seu Dragão conta detalhe curioso dos bastidores

A produtora Bonnie Arnold está mesmo querendo levar seus projetos adiante. Ela, que teve sua carreira marcada por sucessos como Toy Story e Dança com Lobos (Dances With Wolves) dedicou seus últimos 13 anos de trabalho à Trilogia Como Treinar Seu Dragão (How To Train Your Dragon). Agora que a história de Banguela e Soluço terminou, ela defende que é necessário encontrar uma nova geração de profissionais de animação, sobretudo mulheres.

“Estou em um ponto da minha carreira em que é mais que importante criar a próxima geração de artistas”, disse ela em entrevista à Variety. Segundo ela, seja dentro das paredes da Dreamworks, ou em viagens, ela tenta pensar em seu trabalho com animação de forma global.

“É muito emocionante ver mais mulheres e mais artistas internacionais fazendo que estão fazendo”, explicou Bonnie, apontando como exemplo os indicados ao Oscar deste ano na categoria animação, como um bom exemplo de representação global.

“Tivemos 32 filmes elegíveis este ano para a categoria de animação. Klaus foi feito na Espanha por exemplo, e I Lost My Body foi produzido na França”, explicou ela, que disse que atualmente está em busca de artistas emergentes que façam parte de seu time.

“Adoraria compartilhar com eles as coisas que já fiz. Se há mulheres nesse meio, significa que estou no caminho certo”, continuou a artista que disse ter notado um aumento considerável de artistas femininas na última década sobretudo nas escolas de animação. “Isso é realmente emocionante”.

Arnold agora está trabalhando na adaptação de outro livro de Cressida Cowel, de Como Treinar Seu Dragão. “Eu amei o personagem Soluço desde o início, mas sabia que existiam outras animações sobre dragões. Quando contei a história para outras pessoas elas disseram ‘Ninguém se importa com vikings também’”, explicou ela sobre ninguém ter lhe dado ouvidos sobre a história antes de ela ser produzida. Segundo Arnold, ela só encontrou apoio em Jeffrey Katzenberg, CEO da DreamWorks.