Produtora de Glee faz grave denúncia envolvendo elenco da série

Elenco de Glee
Elenco de Glee (Divulgação)

As declarações em torno do comportamento de Lea Michele no set de filmagem da série Glee, desencadearam uma série de novos relatos sobre os atores e sobre o programa. Uma produtora, e também roteirista do programa foi a público dizer que não apenas a protagonista era difícil de lidar, mas grande parte do elenco.

Marti Nixon, que trabalhou durante a terceira temporada da série, exibida na TV americana entre 2011 e 2012 escreveu em seu Twitter, que no programa tinham “Muitos atores maus”, apagando o tweet logo em seguida.

“Eu sou completamente a favor de exposição de comportamentos questionáveis. Havia MUITOS atores maus. NÃO eram apenas mulheres. As pessoas na indústria sabem de quem estamos falando. Por que eles não foram expostos?”, perguntou ela antes de iniciar uma linha com uma série de ‘desabafos’.

“Parece para mim que as mulheres são as primeiras a serem jogadas debaixo do ônibus. Muitos homens se safam mesmo sendo os líderes do bullying. Por que deixamos que isso aconteça?”, perguntou ela, que foi pressionada por fãs a expor com todas as letras as pessoas que eram ruins.

Depois de dizer que nada acontecia em relação ao bullying praticado durante as gravações, ela preferiu não se manifestar mais, e passar a bola para seus colegas de produção. “Vou deixar esse assunto para os meus aliados homens. É a vez deles”, disse ela. Mais tarde, ela apagou as mensagens e escreveu: “Eu gostaria de esclarecer um depoimento prévio que apaguei. Quando disse ‘atores maus’ eu me referia a pessoas que fizeram escolhas ruins. Não me referi a ninguém em particular”.

“Peço desculpas pela confusão. É um período tenso na indústria e ela precisa se adaptar. Nós estamos trabalhando nisso e está melhorando aos poucos. Só estive no show por uma temporada e por meio-período. A maior parte dessas pessoas foi maravilhosa comigo. A equipe era fantástica. Mas bullies agem quando há uma cultura permissiva. É isso que estava falando”, completou. Há alguns anos, quando explodiu na mídia a briga entre Lea Michele e Naya Rivera, Ryan Murphy foi a público dizer que a indústria coloca mulheres umas contra as outras, e que no set de Glee, havia garotos com brigas maiores que as das meninas citadas.