Quando será lançado o spin-off Vikings: Valhalla?

Foto: Reprodução / History Channel

A Netflix já anunciou oficialmente que está em parceria com os estúdios MGM / UA Television, que foram os grandes responsáveis pela produção maioria das cenas memoráveis de Vikings na Irlanda, para produzir uma série derivada chamada “Vikings: Valhalla”, já que sua série mãe está chegando ao fim.

Com isso, a expectativa e a curiosidade de todos fãs só aumentam.

Já que o lançamento de Barbarians (ou Bárbaros, em português), uma série histórica que mostra a Batalha da Floresta de Teutoburgo, acabou dividindo opiniões quanto à qualidade de sua produção, elenco e enredo, o que decepcionou alguns fãs, todos esperam que “Vikings: Valhalla” não decepcione e seja o mesmo sucesso que sua série mãe.

Alguns sites como o respeitado IMDb dão conta de que a série derivada de Vikings deverá estrear já no próximo ano.

Há também outros sites como o Radio Times que divulgou informações de que a primeira temporada já iniciará contando com vinte e quatro episódios. O que não se sabe ainda é se esses episódios serão divididos em duas partes ou se teremos a temporada inteira já disponível na plataforma da Netflix para os fãs.

Vale lembrar ainda que Michael Hirst, historiador e criador de Vikings, é quem assina a nova produção, o que já deixa as expectativas ainda mais altas.

A obra é escrita por Jeb Stuart (Duro de Matar) e dirigida por Steve Saint Leger, que foi diretor de “Vikings”.
Novas informações sobre a série derivada serão divulgadas a qualquer momento.
O enredo oficial da série divulgado no IMDb diz:

“Aventuras dos vikings mais famosos que já viveram: Leif Erikson, Freydis, Harald Harada e o rei normando William, o Conquistador (também descendente de Viking). Esses homens e mulheres abrirão novos caminhos enquanto lutam pela sobrevivência em uma Europa em constante mudança e evolução. Este é o próximo capítulo explosivo da lenda dos Vikings”.

As filmagens de “Vikings: Valhalla” foram iniciadas em julho na Irlanda. Recentemente a equipe teve problemas relacionados ao novo coronavírus, mas agiu rapidamente e a produção já foi retomada.

ankara escort