Quarteto Fantástico: Emily Blunt fala sobre possibilidade de dar vida à Mulher Invisível

Sue Storm – a Mulher Invisível (Imagem: Reprodução)

Os direitos do Quarteto Fantástico agora estão sob os comandos da Disney, depois que o estúdio adquiriu a Fox. Assim como os X-Men, os fãs esperam poder ver a equipe inclusa no MCU. E mais, esperam ver um casal de atores interpretando a Mulher Invisível e o Senhor Fantástico em um futuro filme. Para muitos, Emily Blunt e John Krasinski, casados na vida real, seriam ótimos interpretes dos heróis, que também possui um relacionamento nos quadrinhos.

Em entrevista ao Comic Book, Blunt falou sobre a possibilidade de interpretar Sue Storm nos cinemas. “Bem, eu não sei, você terá que falar com [Kevin] Feige [Presidente da Marvel Studios] sobre isso, certo? A escolha dos fãs é obviamente tão lisonjeira e adorável, mas eu não vejo isso como algo hipotético até que eles escalem outra pessoa. Eu não sei”, respondeu a atriz, após ser questionada.

Já Krasinski falou sobre dar vida a Reed Richards no MCU em conversa com o Screen Rant. Apesar de não ter nada confirmado sobre um longa da equipe de heróis em andamento, o ator se mostrou interessado no papel. “Eu só fiquei sabendo disso recentemente. Alguém disse hoje que estou sendo desenhado como ele, o que eu não sabia. Eu vi a arte dos fãs. Esse cara, Boss Logic, fez coisas incríveis. Eu me sinto em débito com ele porque, aconteça ou não, eu posso colocar isso na minha parede e dizer que fiz. Eu amo os filmes da Marvel, amo tudo o que Kevin Feige faz. O cara é um gênio, então nele eu confio e se ele quer que eu faça algo assim, eu adoraria”, disse.

Emily Blunt e John Krasinski estão promovendo Um Lugar Silencioso – Parte II. Blunt retorna para estrelar a sequência como Evelyn Abbott e Krasinski assume mais uma vez a direção do longa de terror e suspense.

Quanto ao Quarteto Fantástico, a última vez que a equipe de heróis foi adaptada para os cinemas foi em 2015. Dirigido por Josh Trank, o longa foi estrelado por Kate Mara (Mulher Invisível), Michael B. Jordan (Tocha Humana), Miles Teller (Senhor Fantástico) e Jamie Bell (Coisa). Infelizmente, o filme não teve uma boa recepção. Com um orçamento de US$ 120 milhões, a produção arrecadou apenas US$ 168 milhões nas bilheterias mundiais.

 

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.