Reese Whiterspoon revela conselho que fez virar empresária

Reese Whiterspoon
Reese Whiterspoon (Imagem: Divulgação)

Atriz, escritora, leitora voraz, produtora, Reese Whiterspoon revelou em entrevista que também é religiosa, e explicou o motivo que a fez criar a própria empresa. Aos 44 anos, ela explicou ao LA Times que não tem medo da morte por saber que existe um paraíso. E não é a primeira vez que ela faz essa afirmação. Anteriormente, num vídeo ao lado de Nicole Kidmann, ela disse a mesma frase para a colega de Big Little Lies, que disse que gostaria de ter a mesma fé, e a mesma certeza.

“Minha filha me perguntou isso outro dia e eu fico tipo ‘eu não sei. Eu apenas sei’”, diz Witherspoon sobre a vida após a morte. “Acredito profundamente que exista um poder superior – e não sei o que é isso -, mas não tenho medo de morrer. Muitas pessoas têm essas experiências repressivas com a religião, e eu não. Eu senti essa aceitação incrível e que todos têm um presente, e todos somos filhos de Deus e seu objetivo no mundo é encontrar os presentes que Deus lhe deu”, disparou ela.

Com 30 anos de carreira, Reese, diferente de Elena, sua personagem em Little Fires Everywhere, conhece seus privilégios, e isso fez com que ela usasse sua voz para criar a produtora de conteúdo Hello Sunshine, que tem como principal objetivo dar voz às mulheres, colocando-as em primeiro lugar. Todas as produções feitas por lá, são encabeçadas por mulheres em todas as esferas de trabalho, desde a criação de roteiros, direção e protagonismo.

“Eu nunca esquecerei, um consultor financeiro me disse: ‘Você precisa começar a economizar’, eu tinha 37 anos, e ele disse: ‘Você precisa começar a economizar agora, porque vai menos dinheiro drasticamente. Vai ter menos dinheiro na casa dos 40 anos. Basicamente, você não terá muita carreira pela frente [como atriz]’”, lembra Witherspoon. “E se desculpou, mas não de coração. ‘Sinto muito, mas alguém tem que ser honesto com você’. Eu nunca esquecerei isso. Eu nunca esquecerei! Isso me deixou em pânico”, contou ela, que demitiu o profissional, mas daí nasceu a ideia da produtora.