Retirar as mulheres de Star Wars: Os Últimos Jedi é um erro de gente desocupada

Os Movimentos pelos “Direitos dos Homens” não se cansam de passar ridículo. A última iniciativa é alegar que Star Wars: Os Últimos Jedi é um filme com problemas por culpa de suas concessões ao politicamente correto. A prova que isso é patético: um desocupado que acredita nessa palhaçada remontou o filme de Rian Johnson, mas tirando toda a presença feminina do filme.

Além disso, todos os elementos que não se encaixavam com o ‘cânone clássico’ de Star Wars foram retirados, incluindo o senso de humor e o leite verde. O usuário anônimo do The Pirate Bay enviou o vídeo para a internet, que é denominada como The Last Jedi: fan version desfemiziado.

O resultado é um filme de 46 minutos, onde a descrição das mudanças exibe uma ironia muito fina, ou um humor involuntário, que não fica muito claro para quem assiste.

 

 

O autor da montagem conclui afirmando que melhorou de forma notável a sequência de abertura do filme, eliminando todos os planos da média, pois “ser uma resistência unida e sem conflitos internos é algo muito mais interessante para se assistir”, declara o usuário.

De forma um pouco involuntária, ele eliminou o que realmente deixou o filme especial. Os Últimos Jedi pode ter problemas para muita gente, mas ao menos tenta mudar uma franquia que sofre o sério risco de ficar estagnada.

bostancı escort