Revelação sobre Scott Derrickson e Doutor Estranho 2 surpreende fãs

Doutor Estranho
Logo do filme Doutor Estranho (2016), da Marvel, o primeiro filme realizado da franquia (Imagem: Reprodução/YouTube – BRAMarvel)

Depois de ter sido anunciada a saída do diretor Scott Derrickson da produção Doutor Estranho 2, também chamada de Doutor Estranho No Multiverso da Loucura, muitos fãs e espectadores mais assíduos dos trabalhos da Marvel acreditaram que o profissional teria tido uma parte no roteiro do novo longa. Entretanto, isso também não ocorreu, surpreendendo-os.

Além de Derrickson, o roteirista C. Robert Cargill também foi cotado como nome integrante do texto dessa segunda parte. Entretanto, por meio de publicação em sua conta oficial na rede social Twitter, Cargill, que trabalhou no primeiro longa do filme ao lado de Derrickson, que dirigiu e foi corroteirista da produção, por sua vez, afirmou que os dois não têm parte no enredo do segundo filme.

“Como estão aparecendo novas notícias, vale notar que Scott e eu nunca tivemos a oportunidade de escrever o esboço de Doutor Estranho No Multiverso da Loucura, então o que quer que eles estejam trabalhando agora, não é derivado de nosso trabalho. Estou certamente ansioso para ver para onde vão levar Stephen [Stephen Strange, o Doutor Estranho] a seguir”, disse C. Robert Cargill.

Vale lembrar que, de acordo com as informações divulgadas até o momento, Scott Derrickson deixou a produção do segundo filme por conta de divergências criativas. Não foi informado exatamente por que motivo e em que momento o roteirista C. Robert Cargill também passou a não atuar nos bastidores de Doutor Estranho 2. Agora, resta esperar para saber o que a nova equipe de produção vai preparar.

Atualmente, o grupo tem como destaque o cineasta Sam Raimi, que assumiu a direção do novo filme. E Scott Derrickson usou seu Twitter para falar sobre Sam Raimi e elogiar a escolha do diretor como seu substituto. “Eu já trabalhei com Sam Raimi. Uma das pessoas mais legais que já conheci na indústria cinematográfica. Como diretor, ele é uma verdadeira lenda viva. Que grande escolha para dirigir Doutor Estranho”, falou Derrickson.