Revelada parte do suposto roteiro do live action de One Piece da Netflix

Luffy em One Piece (Imagem: Reprodução)

Há um tempo foi anunciado que One Piece irá ganhar um série live action na Netflix. Isso levantou muitos debates na internet, principalmente entre os fãs, que ficaram receosos coma adaptação devido ao fato que live action de animes e mangás normalmente não agradam ao público alvo.

Outro ponto a se destacar é como uma trama que conta com oitenta volumes no mangá e mais de oitocentos episódios no anime podem ser adaptados para uma temporada com dez episódios. E mesmo que se adapte apenas um arco, com tão poucos episódios faria com que várias coisas sejam cortadas. Segundo o site Bounding Into Comics, o live action realmente trará várias mudanças drásticas em relação ao anime, e além disso, o site ainda divulgou parte do suposto roteiro da série.

De acordo como site, logo no primeiro episódio veremos a icônica cena da execução de Gol D. Roger, o maior pirata de todos os tempos. No mangá e anime ainda não foram revelados muitos detalhes de sua morte, mas no live action será mostrado que Kong e Sengoku deram a ordem para a execução do Rei dos Piratas.

Com certas liberdades tomadas no roteiro, algumas mudanças serão feitas sobre o espadachim Roronoa Zoro, uma delas será como ele conhece Luffy. Além disso, será mostrado logo no início da série Zoro matando o Mr. 7, algo que aconteceu vários capítulos adiante no anime. Com isso especula-se que querem mostrar desde o início o quanto Zoro é ameaçador.

Outra mudança em relação a Zoro é como ele é pego por Helmeppo e os oficiais da marinha. No anime, após ser capturado, o espadachim é preso a um poste, mas no live action ele será crucificado. Contudo não se sabe se ele será amarrado ou pregado na cruz.

Como dito é apenas parte do suposto roteiro do live action e nada foi confirmado até agora, por isso deve ser tratado como rumor. Mas pelo que pode se ler, o trama da série da Netflix poderá ser muito mais sombria e sangrenta do que o anime e o mangá.