Revelado traje engavetado de Batman para Liga da Justiça que não saiu do papel

Batman (Imagem: Divulgação)

O cineasta australiano George Miller, conhecido pelo clássico pós-apocalíptico Mad Max, também tinha planos para levar sua visão ao mundo dos super-heróis, no que seria o filme Liga da Justiça: Mortal. O projeto tem suas origens no ano de 2007 com o anúncio da Warner Bros. de que um roteirista teria sido contratado para escrever a história.

Porém, o fracasso da estreia de Superman Returns nas bilheterias mudaram os planos. A Warner não escalaria Christian Bale como Batman ou Brendan Roth como Super-Homem, ao invés disso esperava que Liga da Justiça Mortal fosse o começo de uma nova franquia. Em 2007, depois que Jason Reitman declinou a oferta para focar em produções independentes, foi que George Miller assinou o contrato e assumiu a direção do filme. 

Miller começou a avaliar atores em castings que reuniram quarenta nomes para os papéis, entre eles, os da atriz Adrianne Palick (Agentes of S.H.I.E.L.D), o diretor buscava atores jovens, pois planejava fazê-los envelhecer com as continuações da franquia.  Se tudo tivesse ocorrido como o planejado, Armie Hammer (Me chame pelo seu Nome) teria interpretado Batman.

Entretanto, com o agravamento da greve de roteiristas em 2008, as filmagens foram atrasadas, outros problemas se seguiram e o estrondoso sucesso do filme “O cavaleiro das trevas” fez com que a Warner mudasse outra vez seus planos. O estúdio decidiu realizar produções independentes dos super-heróis da DC, o que permitiu com que Christopher Nolan completasse sua trilogia de Batman.

Agora, quase uma década depois, durante o “Batman’s Day” comemorado na semana passada, uma imagem conceitual do traje que o homem-morcego usaria no filme de Miller foi divulgada pelo designer Ryan Unicomb. O traje era uma mistura de Kevlar e cota de malha com um tipo de exoesqueleto robótico debaixo dos braços, pernas e costas, projetados para ajudar Bruce a combater o crime, mesmo quando seu corpo estivesse em seu estado mais quebrado”, definiu ele em um comunicado que acompanha a imagem. 

“A tinta refletora nos olhos e no peito captaria toda a luz disponível, aumentando sua figura intimidadora na escuridão. Um estofamento grosso no pescoço garantiria que nenhum golpe no pescoço ou na garganta o incapacitasse durante a batalha”, completou.

No fim das contas, um filme da Liga da Justiça finalmente veria a luz em 2017, com um resultado para lá de satisfatório. 

Possível traje de Batman em Liga da Justiça Moral (Imagem: Reprodução)

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.

bostancı escort