Robert Downey Jr. fala sobre seu poder sobre a Marvel

Homem de Ferro
Homem de Ferro (Imagem: Divulgação)

Desde que estreou como Tony Stark / Homem de Ferro em 2008 e inaugurando o Universo Cinematográfico da Marvel, Robert Downey Jr. ganhou muito destaque. Tanto que ele é um dos atores mais bem pagos da Marvel e ainda muita gente acredita que ele tem o poder de mudar as decisões da empresa. Contudo, em uma entrevista ao The John Rogan Experience, o ator disse as coisas não são bem assim.

Nas palavras do astro: “Eu amo o fato de vocês acharem que eu tenho autoridade para dizer ‘Vocês escalaram esse cara? Certo, deixem eu dar uma olhada nele. Eu digo se ele pode ficar.’ Meu modus operandi é ‘Vamos pensar nisso juntos. Vamos nos unir. Vamos trabalhar nos finais de semana. Vamos passar tempo juntos.’ Porque você não pode substituir essa familiaridade, então você tem que tentar construir isso. Às vezes, acontece muito naturalmente. O universo Marvel inteiro – possivelmente sem exceção – é na verdade um grupo de almas realmente bem organizado”.

Como dito, Robert Downey Jr. entrou no MCU como filme Homem de Ferro, que gerou mais duas sequências, além dele participar de vários outros filmes como os dos Vingadores, Capitão América e Homem-Aranha. Contudo, o protagonismo de Tony Stark chegou ao fim em Vingadores: Ultimato, onde ele se sacrificou para deter Thanos e salvar o universo.

Com isso, muitos fãs especulam se um dia Downey Jr. retornará a interpretar o herói, afinal, é bem comum os quadrinho trazerem de volta seus heróis preferidos ou mais populares. Em uma entrevista para o jornal Extra, o ator comentou se poderá ou não retornar para o MCU.

Ele disse: “Sim, tudo pode acontecer e eu posso voltar. Por enquanto, eu desliguei minhas armas e sou bom em deixar para lá. Também acho que a Marvel está nessa nova jornada agora e eles estão tentando um monte de outras coisas, e eu estou animado para eles verem como tudo isso acontece. É difícil imaginar como será o futuro”.

A quarta fase do MCU se iniciará dia 29 de abril de 2020, com a estreia do filme da Viúva Negra.

 

Comentários