Ruby Rose conta qual conselho deu para Javicia Leslie, a nova Batwoman

Javicia Leslie
Javicia Leslie (Reprodução)

Ruby Rose deixou todos os fãs de cultura pop em choque ao anunciar sua saída da série Batwoman, após a primeira temporada, e fez com que os produtores tivessem que passar por algumas decisões criativas para manter o show. No lugar de Kate Kane, personagem que vestia o traje da Mulher Morcego entrará Ryan Wilder, que será vivida pela atriz Javicia Leslie. Em uma nova entrevista para a revista Entertainment Weekly, Rose falou sobre a colega e questionada sobre qual conselho daria para ela, disparou “Nehnhum”, e explicou.

“Nenhum! Acho que ela definitivamente sabe o que está fazendo e parece fantástica. Acho que, honestamente, fiquei muito orgulhosa e feliz quando me disseram quem estaria me substituindo. Estou muito feliz e com certeza vou assistir a próxima temporada também e ver como tudo vai se encaixar”.

Esta não é a primeira vez que Rose expressou seu entusiasmo por Leslie assumir o papel, postando anteriormente nas redes sociais que ela estava muito feliz que a Batwoman passaria a ser interpretada por uma mulher negra incrível, que assumiria com louvor a capa da personagem. “Estou extremamente orgulhosa de ser a primeira atriz negra a desempenhar o papel icônico de Batwoman na televisão e, como uma mulher bissexual, estou honrada em participar deste show inovador, que tem sido um pioneiro para a comunidade LGBTQI+”, disse Leslie em um comunicado quando foi anunciada pela primeira vez como parte do elenco.

Ryan Wilder é descrita pela showrunner Caroline Dries como simpática, bagunceira, um pouco pateta e indomável. Sem ninguém em sua vida para mantê-la sob controle, Ryan passou anos como traficante de drogas, esquivando-se do departamento de polícia de Gotham City e mascarando sua dor com maus hábitos. Hoje, ela mora em uma van tendo como companhia apenas sua planta. Uma garota que roubaria leite para um gato de rua e também poderia matá-lo com as próprias mãos, conforme divulgou o canal The CW, querendo fazer uma heroína não estereotipada e imperfeita.

ankara escort