Ryan Reynolds explica as piadas que faz sobre Lanterna Verde

Ryan Reynolds é o Lanterna Verde (Imagem: Divulgação)

Lançado em 2011, o filme Lanterna Verde é lembrado como um constrangimento a ponto de alguns colocarem a produção estrelada por Blake Lively e Ryan Reynolds atrás apenas de Liga da Justiça (2017) no panteão de filmes horríveis sobre super-heróis.

O próprio Reynolds, um dos protagonistas da trama, nunca deixou o público esquecer o quão ruim é o filme, e é sempre o primeiro a fazer piadas sobre ele. Durante uma conferência de divulgação de seu novo Free Guy (2020) o ator foi perguntado justamente por qual razão continua a caçoar de “Lanterna Verde”, nove anos após seu lançamento.

“Acho que é mais sobre rir de mim mesmo, não de outras pessoas”, justificou o ator, segundo o portal Comic Book. “Rir de mim e da minha própria contribuição para aquele fracasso, ou como você quiser chama-lo”, disse fazendo Mea-culpa.

Segundo Reynolds, o humor foi uma forma de lidar com a frustração: “Você está usando essa energia [fracasso] contra ela mesma, criando algo positivo a partir disso”.  O ator também comentou a piada sobre Lanterna Verde que incluiu em Deadpool (2016). “Eu que coloquei [a piada] no roteiro de Deadpool. Eu acho que meu personagem diz algo tipo, ‘Por favor, não faça esse traje verde ou animado’, quando ele está sendo jogado na fábrica de heróis ou algo assim. E eu notei que foi bom jogar uma luz nisso por um segundo”, explicou.

“Então, não sei, é somente algo que eu sempre fiz, a coisa mais significante que faço em minha carreira é rir de mim mesmo, sempre. Tipo, desde o começo. E tem muito coisa para rir… Todo mundo tem isso, você deita na cama a noite e pensa, ‘Meu Deus, essa coisa que eu fiz é tão horrível, ou boba, ou ridícula’. Eu acho que isso é um combustível para muitas coisas”, complementou.

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.