Ryan Reynolds volta a fazer piada envolvendo COVID-19 e o Lanterna Verde

Lanterna Verde, de Ryan Reynolds
Lanterna Verde, de Ryan Reynolds (Reprodução)

Parece que se há um arrependimento na vida de Ryan Reynolds, ele atende pelo nome de Lanterna Verde. O ator que já foi considerado o homem mais sexy do mundo, que interpretou o herói nos cinemas, e está sempre rindo de si mesmo, devido ao filme ter sido considerado um fracasso, fez mais uma brincadeira envolvendo o personagem relacionando-o com o COVID-19, vírus que está matando diversas pessoas ao redor do mundo.

Em seu Instagram, ele publicou uma foto de Lanterna Verde, com a frase: “P*ta m**da, eu não sou bom em rimas, ou em ser Lanterna Verde/ No dia mais brilhante/ Na noite mais escura/ Nenhum vírus escapará da minha vista/ Quem duvida da força de COVID/ Cuidado com meu poder: Água e sabão/ Feliz dia de St.Patrick”, disse ele, incentivando seus fãs a lavarem as mãos, já que essa é uma simples medida que impede a proliferação do vírus e sua transmissão a outras pessoas.

Lanterna Verde teve tanto desgaste que até seu diretor, Taika Waititi prefere fingir que ele nunca existiu. A principal crítica que o filme ganhou era devido ao traje usado por Reyonolds como Hal Jordan era inteiramente feito em CGI, o que dava uma sensação de artificialidade muito grande. O filme que custou 200 milhões de dólares para os cofres da Warner Bros em 2011, arrecadou apenas 219 milhões de dólares em todo o mundo, ou seja, apenas pagou sua produção. Isso fez com que o estúdio desistisse de fazer filmes solo de heróis, e a partir daí passou a interliga-los em um universo tal qual a Marvel estava começando a fazer.

Ryan Reynolds já falou mal do personagem e do filme diversas vezes, inclusive ele virou piada em Deadpool, estrelado, e produzido pelo ator. Lanterna Verde está para ganhar uma série no HBO Max, novo serviço de streaming do grupo Warner.