Saiba a audiência da estreia de Euphoria na HBO

Euphoria
Euphoria (Foto: Divulgação)

Euphoria, série da HBO estrelada por Zendaya, garantiu 577.000 espectadores em sua estreia. Durante exibição no streaming da emissora, o número subiu para 1 milhão de espectadores. Com isso, a produção se tornou a maior estreia desde Westworld, lançada em 2016. Além de Zendaya, o elenco conta ainda com Storm Reid, Maude Apatow, Brian Bradley, Eric Dane, Alexa Demie, Jacob Elordi, Barbie Ferreira, Nika King, Hunter Schafer e Sydney Sweeney.

O roteiro ficou por conta de Sam Levinson, de Mago das Mentiras (2017), e a produção executiva por Drake e o trio formado pelo DJ Future The Prince, Ron Leshem e Daphna Levin, criadores do seriado israelense. Em tempo, o Conselho Parental de TV dos EUA pediu para a HBO parar de transmitir o seriado. O presidente do conselho, Tim Winter, afirmou para a Fox que o canal, “com sua nova série centrada no ensino médio, Euphoria, parece estar publicamente e intencionalmente divulgando conteúdo graficamente adulto – sexo, violência, profanação e uso de drogas – para jovens e pré-adolescentes”.

Por conta dos temas polêmicos, a protagonista resolveu deixar um recado em suas redes sociais, antes da estreia. “Só um lembrete antes da estreia de hoje, que Euphoria é feita para o público adulto. É um retrato honesto e cru de vício, ansiedade e as dificuldades da vida hoje. Há cenas que são gráficas, difíceis de assistir e podem ser um gatilho. Por favor, só assista se sentir que pode lidar com isso. Faça o que é melhor para você. Eu ainda vou amar e sentir o apoio de vocês. Com amor, Daya”, disse.

Ator

A saber, o ator da série, Eric Dane, falou com a revista Entertainment Weekly, e comentou sobre os tabus da produção. “A série traz uma visão direta sobre o que significa ser adolescente hoje – vício em drogas, conflitos pessoais. Quando você fala de assuntos assim, é um desserviço não ser honesto sobre isso. Você não pode atenuar coisas assim. Acredito que as pessoas estão mais abertas a discutir assuntos como vício, sexualidade e saúde mental. Graças a Deus, nos últimos anos se criou um diálogo aberto em torno disso”, comemorou.

bostancı escort